COPA DO MUNDO 2018 RÚSSIA
Daniel Alves preocupa Seleção Brasileira e pode ficar de fora da Copa (Foto: FRANCK FIFE/AFP)

Daniel Alves pode ficar de fora da Copa do Mundo da Rússia. A praticamente um mês do torneio, o lateral-direito se lesionou na final da Copa da França, contra o Les Herbiers, nesta terça-feira, e preocupa o departamento médico da Seleção Brasileira.

O experiente jogador do PSG foi substituído já na reta final de partida pelo belga Thomas Meunier ao sentir o joelho. Embora não tenha demonstrado sinais de que sua lesão pareça ser grave a ponto de tirá-lo do Mundial, inclusive, comemorando o título da Copa da França, o 38º de sua carreira, ao lado de seus demais companheiros sem qualquer problema, o jogador pode ver seu sonho de conquistar o torneio mais importante do mundo ir por água abaixo.

A CBF afirmou que irá esperar o resultado dos exames de imagem que Daniel Alves fará nesta quarta-feira para se posicionar. Há o temor de que a lesão seja no ligamento do joelho. Caso a possibilidade seja confirmada, a tendência é que ele abra uma vaga entre os 23 selecionados do técnico Tite.

A notícia vem justamente no dia em que Daniel Alves atingiu mais uma marca expressiva em sua carreira. Nesta terça-feira, o lateral-direito chegou ao seu 38º título, se tornando o jogador com mais conquistas na história do futebol, acima até mesmo do Rei Pelé.

O técnico Tite realizará a convocação para a Copa do Mundo na próxima segunda-feira. A preparação para o Mundial inicia no dia 21 de maio, na Granja Comary, em Teresópolis. Posteriormente, o elenco verde e amarelo viaja para a Europa, onde disputará dois amistosos, contra Croácia, em Liverpool, e Áustria, em Viena.



Após romper o tendão de aquiles e passar por uma cirurgia no local, Laurent Koscielny, zagueiro do Arsenal, não poderá defender a seleção francesa na Copa do Mundo deste ano, na Rússia. A informação, que já percorria o noticiário europeu nos últimos dias, foi confirmada nesta terça-feira pelo técnico dos Gunners Arséne Wenger.

“Koscielny está, claro, devastado por causa da operação. Ele vai perder a Copa do Mundo… Vocês não o verão até dezembro na melhor das hipóteses. Ele sempre tenta ser positivo. Acima de tudo, você apenas tenta dar apoio às pessoas quando sofrem. O que é fora do comum no caso dele é que teve uma tendinite por um bom tempo e normalmente não rompe. Mas aconteceu”, afirmou o treinador, por meio de coletiva de imprensa.

Koscielny passará por um período de seis meses de recuperação (Foto: GABRIEL BOUYS/AFP)

Como o próprio Wenger indicou, o defensor de 32 anos de idade deve passar por um período de seis meses de recuperação e só deve voltar aos trabalhos normais no final de 2018. Seu retorno, portanto, é aguardado para a metade da próxima temporada do futebol europeu.

A lesão ocorreu na última quinta-feira, no confronto de volta entre Arsenal e Atlético de Madrid, pelas semifinais da Liga Europa, que terminou com vitória do time espanhol por 2 a 1 no placar agregado.

Koscielny, que, em função da idade avançada, já havia admitido que a Copa da Rússia seria sua última competição de destaque pela França, era presença certa na lista final do técnico Didier Deschamps, que será divulgada na próxima semana. O zagueiro foi titular na Copa de 2014, no Brasil, assim como na Euro 2016.



Canção que embalou a Seleção Brasileira na conquista do tetracampeonato mundial, na Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos, o Hino da Torcida Número 1 foi regravado pelas cantoras Daniela Mercury e Iza. A música pretende embalar o Brasil rumo ao titulo, como aconteceu no tetra.

“É uma música que me transmite muita força! Uma canção que faz parte do inconsciente coletivo brasileiro, que lembra as nossas vitórias”, disse Daniela Mercury. “”Quando o povo todo canta junto, a gente tem a sensação que a gente joga junto com a Seleção. E isso é um impulso gigantesco para os atletas”.

Daniela Mercury e Iza divulgaram a música em evento no Museu do Futebol (Foto: Felipe Panfili/Brahma)

Iza também comentou a oportunidade de regravar o hit. “Estou muito feliz de fazer parte desse projeto, dividir o palco com a Daniela, uma cantora que me inspira desde sempre, e regravar uma música que marcou tanto a conquista de 1994”, disse.

Para promover a música, as cantoras participaram de um pocket show no Museu do Futebol, no Estádio do Pacaembu, no último domingo (6). Confira abaixo os bastidores da gravação.




Luis Suárez é um dos principais jogadores do Barcelona (Foto: Lluis Gene/AFP)

Recentemente, o Barcelona conquistou o título do Campeonato Espanhol e da Copa do Rei, fechando mais uma temporada positiva do clube. Mesmo com o excelente desempenho, o time catalão quer se reforçar ainda mais e, segundo Suárez, uma novidade está por vir nos próximos meses. O atacante concedeu entrevista à Rádio Rincón, da  cidade de Fray Bentos, no interior do Uruguai, e deu “boas vindas” a Griezmann, jogador do Atlético de Madrid e um dos destaques no futebol internacional.

“Enche de orgulho que tragam jogadores dessa qualidade como Antoine (Griezmann). Temos que lembrar que já  vieram Dembélé e Coutinho. São jogadores acima da média, ele está há muitos anos jogando a altíssimo nível, sempre brigando. Comanda o Atlético, e isso é fundamental no futebol. Bem vindo seja, para que não tire o lugar de ninguém, e sim com a vontade de ganhar títulos importantes”, afirmou Suárez.

O atacante uruguaio também falou para a rádio sobre a saída de Neymar para o Paris-Saint Germain. ” A saída de “Ney” foi algo que me machucou muito porque ele é um companheiro dentro e fora de campo. Mas são situações que nós temos que lidar durante a vida. “Ney” as assumiu com toda a responsabilidade, mas ele sabia que nós iríamos sentir falta dele”.

Quanto a Messi, o atleta sul-americano destacou que os dois têm uma relação muito boa. “A relação se vai fazendo no dia a dia, vamos nos conhecendo como companheiro e também como ser humano. Temos uma vida fora, somos pais, temos os mesmos costumes e também temos a mesma idade. Somos brincalhões, gostamos de nos reunir e tomar mate, às vezes sair e comer. Tudo isso ajuda a ter uma linda amizade”.

Por fim, Suárez afirmou que a Copa do Mundo na Rússia não deve ser a última da sua carreira. “Não acho que este seja meu último Mundial. Fiz 31 anos agora em janeiro, ainda há um bom tempo. Quero superar o que eu fiz na última Copa do Mundo, no qual poderia ter dado muito mais ao nosso grupo”.



Após retornar à França na última sexta-feira, Neymar já está trabalhando no Paris Saint-Germain para realizar as últimas etapas da recuperação da fratura do quinto metatarso do pé direito, ocorrida no final de fevereiro. Neste sábado, o craque brasileiro foi ao clube e realizou alguns exercícios na academia, além de um trabalho físico numa caixa de areia.

Neymar retornou na sexta para a França e já trabalhou no sábado no PSG (Foto: Divulgação)

Nesta manhã, o companheiro de clube e de Seleção Brasileira do atacante, o zagueiro Thiago Silva, já havia dado uma pista de que o atacante estava realizando trabalhos na acadêmia do clube parisiense. Isso porque Thiago publicou uma foto para celebrar o retorno do companheiro. “Feliz de te ver. Fenômeno”, publicou.

Thiago Silva celebra retorno de Neymar (Foto: Reprodução)

Apesar o retorno aos trabalhos no clube francês, Neymar não irá atuar mais pelo clube nesta temporada. Restando apenas duas rodada no Campeonato Francês, o PSG já confirmou o titulo nacional com antecedência. Na próxima terça, a equipe pode garantir mais um título nacional, caso vença o Les Herbiers, clube da terceira divisão, na decisão da Copa da França. O retorno de Neymar aos gramados deve acontecer vestindo a camisa da Seleção Brasileira, na disputa da Copa do Mundo.



Parece que a recuperação de Neymar segue conforme o planejado. Nesta sexta-feira, a 40 dias da Copa do Mundo, o craque do Paris Saint-Germain e da Seleção Brasileira publicou dois vídeos em seu Instagram oficial com boas notícias para o torcedor brasileiro.

No primeiro vídeo, Neymar se mostra caminhando lentamente em um gramado, descalço. Já no segundo, o astro brasileiro aparece fazendo embaixadinhas com o pé direito, justamente o pé lesionado.

Neymar não entra em campo desde fevereiro, quando saiu lesionado da vitória do PSG sobre o Olympique de Marselha. A recuperação da lesão, uma fissura no quinto metatarso do pé direito, demorou mais do que o esperado. O jogador de 26 anos é peça fundamental no Brasil de Tite, que tenta o hexa na Rússia.

Veja fotos de Neymar durante sua recuperação

 



A novela de Paolo Guerrero ganhou mais um capítulo nesta sexta-feira. Jorge Balbi, assessor legal do peruano revelou que durante a audiência do Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), em Lausanna, na Suíça, a Fifa voltou atrás e pediu a ampliação da suspensão por doping do artilheiro para um ano, e não a manutenção da suspensão de seis meses.

“O que nos surpreendeu é que a Fifa foi ontem com uma posição insólita de pedir que a sanção imposta por seu comitê de apelações deveria ser de um ano, essa foi uma surpresa para todos”, contou Balbi em entrevista ao programa Fútbol Como Cancha, da RPP Notícias.

“Supostamente, os advogados espanhóis, que tinham que defender a posição da sua entidade, foram descoordenados, ou muito bem coordenados com a WADA (Agência Mundial Antidoping), porque foram dizer que houve uma falha e que a sanção deveria ser de um ano”, acrescentou.

De acordo com Balbi, isso apenas permite duas possibilidades: ampliar ou reduzir a sanção. “Isso coloca o Tribunal em uma situação muito complexa, porque eles teriam que decidir se não dariam nada (ou seja, absolvição) ou se dariam um ano, mas não seis meses”, explicou.

Caso o Tribunal aceite o pedido da Fifa, Guerrero perderia a Copa do Mundo, que começa no dia 14 de junho. A suspensão de seis meses se encerrou na quinta-feira. A WADA, por sua vez, pediu que a suspensão do jogador seja ampliada para dois anos.

Guerrero chega ao Brasil nesta sexta-feira e está liberado para jogar pelo Flamengo na partida contra o Internacional, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro.

Veja também os destaques dos times paulistas nesta tarde:



Melhor jogador da final, Arthur foi destaque do Grêmio na conquista da Libertadores (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O meia Arthur, um dos principais destaques da equipe do Grêmio, está muito próximo de vestir a camisa do Barcelona na próxima temporada. Envolvido em uma novela com o clube catalão, o jogador deu entrevista ao jornal espanhol Sport, e deu mais alguns detalhes sobre a negociação.

Perguntado sobre um rumor de que o Barça estaria em dúvida para bater o martelo sobre a sua contratação, o jogador mostrou-se bem tranquilo, e garantiu ter a confiança do clube.

“Não me envolvo nesse tipo de assunto porque, desde o início das negociações, deixei tudo nas mãos do meu representante e da minha família, para que resolvessem tudo junto com o Grêmio. Eu estou bem assessorado, e o que tem que acontecer, vai acontecer…O Barça confia em mim e eu estou feliz com isso. Eles ligaram para me tranquilizar”, disse.

Apesar de dizer que está bem no Grêmio, Arthur também reiterou a vontade de atuar pelo clube espanhol.

“Está tudo bem encaminhado. É um sonho jogar em um clube da grandeza do Barcelona. Estou seguro de que tudo vai sair bem, e então, estarei mais contente do que já estou agora…Estou tranquilo aqui no Grêmio, pois sei que o que marcará o futuro é que se faz dentro de campo”, declarou.

Além disso, o meia comentou também sobre a possibilidade de ser convocado para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia.

“É lógico que eu tenho um pouco de ansiedade, porque ir para a Copa do Mundo é o sonho que qualquer jogador tem, e não é diferente no meu caso. O que tenho que fazer é manter o foco no meu trabalho, tentar jogar o melhor possível e sempre honrar a camisa gremista”, completou.



Recuperado de uma fratura na fíbula da perna esquerda, o lateral-esquerdo Filipe Luís foi relacionado pelo Atlético de Madrid para os dois próximos, contra o Arsenal nesta quinta-feira, pela segunda partida das semifinais da Liga Europa, e diante do Espanyol, no próximo domingo, pela 36ª rodada do Campeonato Espanhol. Ambas as partidas serão acompanhadas por Sylvinho e Matheus Bachi, auxiliares de Tite na Seleção Brasileira.

Filipe Luís se recuperou de lesão (Foto: CBF)

Inclusive, em entrevista à Rádio Marca, Sylvinho revelou que o jogador tem o prestígio do comandante do Brasil para jogar a Copa do Mundo. “A informação que recebemos é de que ele está preparado para jogar. A convocação final é em 14 de maio e estamos vendo sua situação, conversando com médicos. Ele tem a alta médica e o veremos jogando. Filipe sempre esteve conosco, junto com Marcelo, mas precisamos vê-lo em ação novamente. É o jogador que queremos, mas temos que ver em qual situação está”.

A briga pela lateral esquerda da Seleção é uma das principais dúvidas de Tite para definir a lista de convocados para o Mundial. Alex Sandro, em grande fase na Juventus, e Filipe Luís, chamado em várias oportunidades antes da contusão, brigam pela vaga.

A relação de Tite para a Copa do Mundo será anunciada em 14 de maio. Uma semana depois, o grupo vai se apresentar ao treinador na Granja Comary, em Teresópolis, no Rio de Janeiro. A estreia da Seleção Canarinha será no dia 17 de junho, em Rostov, às 15h, diante da Suiça.