Gazeta Esportiva

Brasil x Suíça: veja desfalques, prováveis escalações e mais

São Paulo, SP

27/11/22 | 20:00 - 28/11/22 | 09:37

O Brasil enfrenta a Suíça nesta segunda-feira, às 13h (de Brasília), no Estádio 974, em Doha, no Catar, pela segunda rodada do Grupo G da Copa do Mundo. Após vencer na estreia por 2 a 0, com show de Richarlison, o time comandado pelo técnico Tite mira mais um triunfo para garantir sua classificação para a próxima fase do torneio.

O Brasil é o líder do Grupo G, com três pontos, mas com um saldo de gols superior ao da Suíça, que bateu Camarões por 1 a 0 no primeiro jogo. Para carimbar uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo na segunda rodada do torneio, a Seleção Brasileira terá somente que vencer os suíços, já que Sérvia e Camarões apenas empataram no outro jogo do dia.


Para esse confronto com a Suíça, o técnico Tite terá dois desfalques de peso. Neymar sofreu uma lesão ligamentar no tornozelo direito, também trata um edema ósseo na região e deve ficar de fora desses dois últimos jogos do Brasil na fase de grupos. Já o lateral-direito Danilo sofreu uma lesão ligamentar medial no tornozelo esquerdo e é outra baixa.

Tite vem trabalhando com portões fechados às vésperas da partida desta segunda-feira, mas a tendência é que Rodrygo seja o substituto de Neymar no meio-campo da equipe, enquanto Eder Militão surge como favorito para assumir a vaga de Danilo na lateral direita.

A Suíça também tem desfalque para a partida contra o Brasil. O atacante Noah Okafor sofreu uma lesão muscular na coxa e terá de ficar de fora do segundo jogo de sua seleção na Copa do Mundo.

O desfalque suíço, no entanto, será menos sentido em comparação com as ausências do Brasil, já que Noah Okafor foi reserva na estreia da Suíça na Copa do Mundo, entrando apenas no segundo tempo para atuar por cerca de 20 minutos contra Camarões.

FICHA TÉCNICA
BRASIL X SUÍÇA

Local: Estádio 974, em Doha (Catar)
Data: 28 de novembro de 2022, segunda-feira
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Ivan Barton (El Salvador)
Assistentes: Zachari Zeegelaar (Suriname) e Said Martinez (El Salvador)
VAR: Drew Fischer (Canadá)

BRASIL: Alisson; Militão, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Lucas Paquetá e Rodrygo; Vinícius Jr, Raphinha e Richarlison.
Técnico: Tite.

SUÍÇA: Sommer; Widmer, Schar, Akanji e Rodríguez; Freuler, Xhaka, Shaqiri, Sow e Vargas; Embolo.
Técnico: Murat Yakin.

Deixe seu comentário