Após rivais frágeis, Marquinhos prevê alto nível contra Argentina

São Paulo , SP
12/09/2018 00:17:00 — 12/09/2018 01:47:54

Em: Brasil, Futebol

Nos dois primeiros jogos após a Copa do Mundo da Rússia, sem maiores dificuldades, a Seleção Brasileira bateu Estados Unidos (2 x 0) e El Salvador (5 x 0). O zagueiro Marquinhos, autor de um gol de cabeça na noite de terça-feira, prevê um duelo mais duro diante da Argentina.

Em preparação para a Copa América 2019, a Seleção volta a campo para enfrentar Arábia Saudita e Argentina nos dias 12 e 16 de outubro, respectivamente. Sem jogadores classificados à decisão da Copa do Brasil, Tite divulga os convocados em 21 de setembro.

“Jogo contra a Argentina é sempre um nível altíssimo, um jogo à parte de qualquer outro. Então, tentamos fazer boas partidas aqui para a rapaziada nova pegar o padrão e aumentar o nível. Nos próximos dois jogos, vamos procurar fazer isso, dando sempre o melhor”, afirmou Marquinhos à TV Globo.

Diante de El Salvador, em Washington, o Brasil construiu a goleada com Neymar, Richarlison (2) e Philippe Coutinho. Aos 44 minutos do segundo tempo, após cobrança de escanteio de Neymar pela esquerda, Marquinhos usou a cabeça para fechar o marcador.

“Chegando em casa, vou analisar um pouco melhor, mas acho que foi uma boa atuação geral e particular. Aqui, acabamos não sofrendo muito, mas tentamos fazer o melhor. Temos que dar sempre nosso melhor, porque ninguém tem cadeira cativa”, disse Marquinhos, disposto a jogar também como lateral.

“A Seleção Brasileira é nossa nação. Então, temos que fazer o que precisarem da gente. Precisou na lateral, estamos disponíveis. Precisou na zaga, estamos disponíveis. Sabendo que realmente fico mais à vontade na zaga”, completou Marquinhos, versátil.