Grampola faz dois no final e Braga volta a vencer na Série B após 4 jogos

São Paulo, SP

10-10-2016 22:29:38

Pode ter faltado energia, mas vontade não faltou na noite desta segunda-feira, no estádio Nabi Abi Chedid. No jogo de abertura da 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Bragantino venceu o Criciúma por 2 a 0, com dois tentos de Rafael Grampola - um de pênalti e outro golaço - na reta final da partida, e voltou a vencer após quatro derrotas seguidas na Segundona.

Com o resultado na partida com mais de 30 minutos de paralisação devido à falta de luz, o Bragantino se manteve na 17ª colocação, mas chegou aos 30 pontos e diminuiu para dois a diferença para o Oeste, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. O Massa Bruta não vencia desde o dia 6 de setembro, quando bateu o Sampaio Corrêa por 2 a 1.

Já o Criciúma, em situação oposta, não conseguiu alcançar sua terceira vitória seguida nesta reta final de Série B, ficando com 46 pontos, dois a menos que o Avaí, que fecha a zona de classificação para a elite e ainda joga nesta rodada.

O JOGO

Mesmo fora de casa, a primeira oportunidade de gol foi do Criciúma, logo aos cinco minutos. Thiago Humberto cobrou falta na área. A bola encontrou Diego Giaretta na segunda trave e o jogador cabeceou com perigo por cima do gol, mas a jogada já estava paralisada por impedimento.

O próximo lance de perigo veio somente aos 31 minutos, novamente com o Tigre e mais uma vez em cobrança de falta de Thiago Humberto. Desta vez, o meia bateu de canhota, por cima da barreira, mas a bola acabou saindo.

O Bragantino respondeu seis minutos depois, em sua primeira chance de inaugurar o placar. Alan Mineiro cobrou falta e mandou a bola na área. Rafael Grampola deu um leve desvio de cabeça e quase abriu o marcador.

Quando o relógio marcava 42 minutos, dois refletores do estádio Nabi Abi Chedid apagaram e o jogo precisou ser paralisado por mais de 30 minutos. Esta foi a quarta vez que o estádio do Massa Bruta ficou sem energia neste Campeonato Brasileiro da Série B.

A rede só foi balançada aos 18 minutos do segundo tempo, mas a arbitragem anulou o gol do Criciúma. Niltinho cobrou falta e lançou a bola na área. Thiago Humberto, em posição de impedimento, cabeceou e mandou para o gol, mas o juiz assinalou impedimento.

Quando o empate já parecia definido, o Bragantino conseguiu um pênalti para abrir o placar. Anderson Ligeiro cruzou e a bola bateu no braço direito de Ferron, que entrava de carrinho. Na cobrança, Rafael Grampola converteu e colocou o Massa Bruta na frente.

Em jogada de contra-ataque, Alan Mineiro avançou, fez bela jogada contra a marcação e, na entrada da área, deu belo passe para Rafael Grampola. Na área, o atacante deixou o zagueiro Diego Giaretta no chão e ficou de frente para o gol. Sem titubear, o matador bateu no ângulo e fechou o placar.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO 2 X 0 CRICIÚMA

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Data: 10 de outubro de 2016, segunda-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo ( RJ/ASP-FIFA)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
Cartões Amarelos: Rafael Grampola (BRA); Ferron (CRI)

GOL:
BRAGANTINO: Rafael Grampola, aos 38 e aos 43 minutos do segundo tempo

BRAGANTINO: Renan Rocha; André Rocha (Anderson Ligeiro), Lucas Rocha, Diego Sacoman e Bruno Pacheco (Fabiano); Gabriel Dias, Daniel Pereira e Alan Mineiro; Watson (Guilherme Andrade), Rafael Grampola e Claudinho
Técnico: Marcelo Veiga

CRICIÚMA: Luiz; Ricardinho, Ferron, Diego Giaretta e Niltinho; Ruan, Felipe Guedes (Adalgiso Pitbull), Caíque Valdívia e Thiago Humberto; Jheimy (Hélio Paraíba) e Roberto (Clayton).
Técnico: Roberto Cavalo

Deixe seu comentário