Honda marca na estreia, mas Botafogo fica só no empate com o Bangu

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

15-03-2020 18:03:06

Sem poder contar com a presença da torcida, o japonês Honda estreou, mas o Botafogo ficou no empate por 1 a 1 com o Bangu, neste domingo, no Nilton Santos. Com o resultado, as duas equipes chegaram a quatro pontos. Os banguenses ficam com a terceira posição, enquanto que o os alvinegros aparecem em quarto no grupo A da Taça Rio.

O Botafogo dominou o primeiro tempo e ficou em vantagem após gol do estreante Honda, de pênalti. Na etapa final, o Bangu chegou ao empate, com Rhainer.

Na próxima rodada, o Botafogo terá pela frente a Cabofriense, no sábado, no Nilton Santos. Já o Bangu encara o Flamengo na segunda-feira da outa semana.

O jogo - O duelo começou movimento. O Bangu quase abriu o placar com um minuto, em chute de Jairinho. O Botafogo respondeu aos cinco, quando Honda deixou Luís Henrique de frente para o gol, mas o atacante chutou para boa defesa de Matheus Inácio.

O Botafogo era mais objetivo e chegou com perigo quando Honda lançou Guilherme Santos na esquerda. O lateral cruzou rasteiro, mas Luís Henrique não conseguiu a finalização. Depois, Fernando aproveitou cruzamento, mas cabeceou em cima de Matheus Inácio.

Os alvinegros seguiram pressionando e quase marcaram aos 19 minutos, em chute perigoso de Bruno Nazário. De tanto insistir, o Botafogo abriu o placar aos 28 minutos. Rafael Navarro foi derrubado pelo goleiro na área e o árbitro marcou pênalti. Honda com categoria e abriu o placar em sua estreia.

Com a vantagem, o Botafogo diminuiu o ritmo. O Bangu tentou equilibrar as ações, mas viu os donos da casa manterem a vantagem até o intervalo.

No segundo tempo, os alvinegros quase ampliaram aos dois minutos. Rafael Navarro recebeu passe, girou sobre a marcação, mas chutou sobre o travessão. Só que o Bangu cresceu na partida e teve chance de empatar aos nove, em finalização de Michel.

O Bangu chegou ao empate aos 13 minutos. Rhainer recebeu passe na área e tocou na saída de Gatito Fernández.

Após o revés, o Botafogo foi obrigado a avançar e passou a criar boas chances de gol. Na melhor delas, aos 28 minutos, Luiz Fernando cruzou rasteiro para Luís Henrique finalizar na rede pelo lado de fora.

Nos minutos finais, o jogo ficou aberto. Tanto que o Bangu quase virou aos 41 minutos. Após cruzamento rasteiro, Rhainer apareceu para finalizar para boa defesa do goleiro Gatito Fernández. O Botafogo ainda buscou pressionar e por pouco não marcou nos acréscimos. Alex Santana recebeu passe na entrada da área e acertou a trave. Assim, o duelo seguiu empatado no Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 1 X 1 BANGU

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 15 de março de 2020 (Domingo)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Yuri Elino Ferreira da Cruz (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique de Lima Filho (RJ) e Rafael Sepeda de Souza (RJ)
Cartões amarelos: Caio Alexandre (Botafogo); Juliano (Bangu)
GOLS
BOTAFOGO: Honda, aos 28min do primeiro tempo
BANGU: Rhainer, aos 13min do segundo tempo

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Fernando (Barrandeguy), Marcelo Benevenuto (Ruan Renato), Kanu e Guilherme Santos; Caio Alexandre, Alex Santana, Keisuke Honda (Luiz Fernando) e Bruno Nazário; Luís Henrique e Rafael Navarro
Técnico: Paulo Autuori

BANGU: Matheus Inácio, Juliano, Michel, Rodrigo Lobão e Dieyson; Felipe Dias, Josiel (Rhainer) e Juan Felipe; Octávio (Rodrigo Yuri), Jairinho e Rocha (Felipinho)
Técnico: Eduardo Allax

Deixe seu comentário