Botafogo minimiza situação do Vasco e não vê favorito no clássico

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

31-05-2019 13:19:18

Passada a goleada de 4 a 0 sobre o Sol de América, do Paraguai, que garantiu o time nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, o Botafogo já trabalha de olho no clássico contra o Vasco, previsto para este domingo, às 11h(de Brasília), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Há quem diga que o Glorioso é favorito pois o Cruz-Maltino ainda não venceu na competição e amarga a lanterna, com apenas três pontos conquistados, mergulhado na zona de rebaixamento. A situação dos vascaínos, porém, parece não animar os botafoguenses.

João Paulo prega respeito ao time do Vasco (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

O meia João Paulo é um dos que puxa o discurso de respeito ao Vasco.

"Respeitamos demais o Vasco, seu treinador, seus jogadores e a história do clássico. Posso dizer que estamos vivendo dias proveitosos em termos de preparação para o clássico, mas entendemos que será um duelo muito complicado. Não vivemos o dia a dia do Vasco e estamos preocupados apenas com a nossa maneira de jogar", disse o jogador.

O discurso parece ser o mesmo em todo o elenco.

"Estamos falando de um clássico, de um jogo sempre muito marcado pelo equilíbrio e com as duas equipes precisando fazer o resultado. Em um jogo como esse as duas equipes entram em campo sem pensar no que aconteceu durante a semana ou na posição na tabela de classificação", revelou o meia Luiz Fernando. "Existe a rivalidade, a vontade grande de ganhar e de pegar embalo de vez dentro da competição. A nossa expectativa é de um choque muito complicado e equilibrado. Respeitamos o Vasco e sabemos que eles também nos respeitam. Vamos trabalhar para conseguirmos um triunfo", disse.

Em termos de escalação, o Botafogo não sabe se poderá contar com o volante Alex Santana, que sofreu um trauma no tornozelo direito contra o Sol de América. Se ele não jogar, o que é provável, Gustavo Bochecha entra na vaga. O atacante Rodrigo Pimpão, recuperado de dores na virilha direita, volta a ficar à disposição. Porém, como Luiz Fernando fez um grande jogo contra o Sol de América, Pimpão fica como opção no banco de reservas. Neste sábado os jogadores trabalham na parte da tarde e depois começa o período de concentração para a partida. Com nove pontos o Alvinegro busca a vitória para tentar voltar ao G-6, a zona de classificação para a Copa Libertadores.

Deixe seu comentário