Futebol Internacional/Bastidores

Jonas anuncia permanência e diz que encerrará carreira no Benfica

São Paulo , SP
11/08/2018 17:13:25 — 11/08/2018 17:18:24

Em: Benfica, Futebol Internacional, Futebol Português, Notícias
Jonas não só anunciou sua permanência no clube, como garantiu aos torcedores: ficará no Benfica até o fim de sua carreira (Foto: Divulgação)

Fim da novela: após rumores de transferência para o Palmeiras e para o mundo árabe, o brasileiro Jonas anunciou sua permanência no Benfica na tarde deste sábado. E mais, ele ainda afirmou que terminará sua carreira no clube, onde está desde 2014.

“Ficarei no Benfica, com muita alegria como nos anos anteriores. Estou muito feliz por ter tomado esta decisão e convicto de que foi a melhor para mim, para todos os torcedores, para o clube e todo o estafe”, iniciou o atacante ao site oficial do clube português. “Eu quero terminar (minha carreira) aqui, não será neste ano, mas o projeto é esse mesmo e praticamente… Praticamente não, vou terminar aqui minha carreira”.

Mesmo com essas declarações, nem o jogador nem o clube revelaram algum indício de renovação de contrato, que vai até 2019. Além do possível interesse do Palmeiras, o Al Nassr, da Arábia Saudita, fez uma proposta para o atleta, que recusou.

A minha felicidade está aqui!

“Muitas coisas fizeram com que eu pudesse permanecer aqui. Conversei muito com os meus familiares, conversei muito com as pessoas que estão no estafe do Benfica. Todos me mostraram que o melhor caminho era esse: como eu estou feliz aqui, como os anos anteriores têm corrido muito bem para todos… A minha felicidade está aqui. Então decidi continuar feliz e permanecer neste clube que eu amo tanto”.

Ele também revelou uma conversa com o presidente do Benfica. “O presidente, como figura principal, conversou muito comigo, com os meus irmãos, com a minha família toda. Primeiro como presidente, segundo como pai, terceiro como amigo, quarto como um sócio-torcedor do Benfica”, disse.

“Me deu muitas opiniões e disse que o melhor caminho era minha permanência. Me mostrou todo esse projeto e disse que não era hora de interromper. Foi isso que me tocou muito e por isso estou muito grato, desde a minha chegada e principalmente nesse momento em que se falava muito da minha permanência ou não, ele ajudou-me e foi fundamental para que eu pudesse permanecer aqui hoje”.

Jonas começou sua carreira no Guarani, em 2005, e depois rumou para o Santos, passou por Grêmio e Portuguesa, e iniciou sua caminhada internacional no Valencia, onde ficou de 2011 a 2014, ano no qual foi vendido para o Benfica. Com a camisa da equipe, já atuou em quatro temporadas e anotou 122 gols, tornando-se o segundo melhor marcador estrangeiro do clube.