Futebol Internacional/Bastidores

Rádio espanhola diz que Fifa rejeitou denúncia de Neymar contra o Barça

São Paulo , SP
13/02/2018 12:45:43

Em: Barcelona, Bastidores, Futebol Internacional, Paris Saint Germain

A rixa entre Neymar Jr e Barcelona segue causando polêmica. Por conta de sua saída inesperada para o Paris Saint-Germain, o brasileiro não recebeu a bonificação combinada por ter renovado o seu contrato com o clube catalão e acabou acionando a Fifa para cobrar os 40 milhões de euros. No entanto, sua denúncia contra a antiga equipe foi rejeitada, segundo a rádio espanhola Cadena Ser.

Em outubro de 2016, Neymar Jr renovou seu contrato com o Barcelona até 2021. No momento em que houve o acerto entre as partes, ficou determinado que o brasileiro receberia uma espécie de “luvas” por seguir no elenco blaugrana. O que o clube não esperava era que o Paris Saint-Germain toparia pagar a multa rescisória de 222 milhões de euros em agosto de 2017 [R$ 821 milhões na cotação da época] para contar com o atleta.

Embora a relação com o alto escalão do Barcelona tenha ficado bastante comprometida, Neymar mantém contato com seus antigos companheiros e chegou a, inclusive, visitá-los depois de ser apresentado pelo PSG. Na última semana, o clube deixou os imbróglios de bastidores de lado e através de suas redes sociais parabenizou o brasileiro, que completou 26 anos.

Principal nome do Paris Saint-Germain, Neymar Jr se prepara para o confronto com o Real Madrid, nesta quarta-feira, às 17h45 (de Brasília), pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Há quem suspeite que a notícia divulgada pela rádio espanhola sirva, exclusivamente, para tentar desestabilizar o camisa 10, que terá a missão de liderar os franceses no Santiago Bernabéu, onde já atuou por diversas vezes como atleta do Barça.