Gazeta Esportiva

Após homenagens a Messi, Neymar e Suárez brilham e Barça arrasa o Bilbao

São Paulo, SP

17/01/16 | 19:22 - 18/12/16 | 16:47

Barcelona's Brazilian forward Neymar (R) celebrates with Barcelona's Argentinian forward Lionel Messi after scoring during the Spanish league football match FC Barcelona vs Athletic Club Bilbao at the Camp Nou stadium in Barcelona on January 17, 2016.   AFP PHOTO/ LLUIS GENE / AFP / LLUIS GENE
Messi foi homenageado pela torcida, mas Neymar teve grande atuação na goleada do Barcelona (Foto: Lluis Gene/AFP)

O argentino Lionel Messi voltou aos gramados nesse domingo após conquistar pela quinta vez o prêmio Bola de Ouro da Fifa. Homenageado pela torcida, ele retribuiu o carinho e anotou o primeiro gol da goleada por 6 a 0 do Barcelona sobre o Athletic de Bilbao, no Camp Nou. A equipe catalã contou com a expulsão relâmpago do goleiro Iraizoz, aos quatro minutos da etapa inicial, e com uma atuação de gala da dupla Neymar e Suárez para superar o adversário. O time, agora, mantém a perseguição ao Atlético de Madri, líder do Campeonato Espanhol.

Com o troféu de melhor jogador do mundo em mãos, Messi subiu ao gramado do Camp Nou sob os aplausos da torcida. Uma bandeira parabenizando o argentino também foi estendida nas arquibancadas do estádio. Messi, então, ergueu a Bola de Ouro no centro do campo e posou para fotos com os outros jogadores do Barcelona.

Após o apito inicial, Piqué saiu jogando errado na defesa e deu ao Bilbao uma grande chance para estragar a festa do Barcelona. Ao retomar a bola no campo ofensivo, aos dois minutos, Munian acionou Eraso e viu o companheiro jogar para fora a oportunidade de abrir o placar.

https://twitter.com/FCBarcelona/status/688818562123739136

O erro foi fatal para o Bilbao, uma vez que o goleiro Iraizoz foi driblado por Suárez, aos quatro minutos, e precisou cometer um pênalti para impedir o gol dos catalães. Com a expulsão do goleiro, o suplente Herrerín se aprontou na lateral do campo e assumiu a meta dos bascos. Ele bem que acertou o lado escolhido por Messi na cobrança, mas não teve a impulsão necessária para impedir o primeiro gol do Barcelona.

A vantagem a favor do Barcelona deixou o Bilbao acuado. A equipe catalã aproveitou para bombardear o gol de Herrerín até que Neymar, aos 30 minutos, tivesse condições de ampliar a vantagem. Ele foi lançado na esquerda pelo uruguaio Suárez e esperou a saída do goleiro para balançar as redes com um toque por cobertura.

No intervalo, o técnico Luis Enrique optou por poupar Messi e acionar o turco Turan. Logo no primeiro minuto da etapa complementar, Neymar tabelou com Suárez na entrada da área e desarrumou a zaga do Bilbao. O atacante uruguaio invadiu a área livre de marcação e tocou rasteiro para bater Herrerín mais uma vez.

O uruguaio Suárez sofreu um pênalti e marcou dois gols na nova vitória do Barcelona pelo Espanhol (Foto: Lluis Gene/AFP)
O uruguaio Suárez sofreu um pênalti e marcou três gols na nova vitória do Barcelona pelo Espanhol (Foto: Lluis Gene/AFP)

Eraso, aos 16, quase diminuiu para o Bilbao, mas finalizou por cima do gol pela segunda vez na partida. No lance seguinte, Neymar arrancou do meio campo e prendeu a bola na lateral esquerda da área. O brasileiro gingou para cima da marcação e correu para a linha de fundo antes de encontrar Rakitic sozinho. O croata recebeu na frente do gol e tocou no contrapé de Herrerín para anotar o quarto do Barça.

Entregue em campo, o Bilbao se preocupava em fechar os espaços para não sofrer mais gols. A tática, no entanto, foi frustrada por Suárez. Aos 23, o uruguaio recebeu lançamento de Turan, dominou a bola no peito e teve tranquilidade para concluir dentro da área. Já aos 37, o atacante aproveitou cruzamento de Busquets para fazer, de cabeça, o sexto gol do Barcelona no jogo.

Com a vitória, o Barcelona chega aos 45 pontos e se mantém firme na segunda colocação do Campeonato Espanhol. O líder da competição é o Atlético de Madri, que derrotou o Las Palmas por 3 a 0, nesse domingo, e está com 47 pontos. O próximo jogo dos catalães será no sábado, contra o Málaga, fora de casa.

Deixe seu comentário