Após declaração infeliz de Gilberto, Ernando pede compreensão da torcida do Bahia

São Paulo, SP

13-11-2019 09:48:15

Após a derrota para o Flamengo, neste final de semana, o Bahia conheceu seu sexto jogo sem vitórias e se distanciou da zona de classificação para a próxima Libertadores da América. Não bastasse o revés, o atacante Gilberto, que não sabe o que é marcar há 10 rodadas, expressou seu desejo de jogar pelo Rubro-Negro assim que seu contrato com o Tricolor chegar ao fim.

Apesar do centroavante ter gravado um vídeo pedindo desculpas pela declaração infeliz, os torcedores não reagiram bem. Diante disso, Ernando pediu apoio ao camiseta 9.

"Não cheguei a conversar com ele. Mas ele reconheceu que não foi a melhor hora para falar sobre esse assunto. Ele pediu desculpas, e esperamos que o torcedor possa apoiá-lo dentro de campo. Não tem muito o que falar sobre esse assunto, ele já esclareceu. Espero que o torcedor possa compreender e nos apoiar", comentou.

Com quatro derrotas e dois empates nas últimas rodadas, os comandados por Roger Machado precisam reencontrar o caminho das vitórias neste domingo, às 16 horas (de Brasília), contra o Palmeiras, na Arena Fonte Nova. Perguntado sobre a má fase, o zagueiro acredita que dois jogos favoreceram para essa sequência negativa.

"No jogo contra o Ceará, estávamos ganhando de 1 a 0 e, infelizmente, deixamos escapar. A partir daí, começamos a ir mal, mas mostramos evolução em alguns jogos, como contra o Cruzeiro fora de casa. Esse jogo contra o Flamengo, fizemos um primeiro tempo excepcional, neutralizando equipe muito forte. Infelizmente, no segundo tempo, a equipe deles fez modificações, cresceu, e a gente não conseguiu segurar o resultado", completou.

Com 43 pontos somados, seis a menos que o último time dentro da zona de classificação para a Libertadores, Ernando acredita que o elenco ainda pode sonhar com uma vaga na competição continental.

"Esquecer o que passou e conseguir esse triunfo o mais rápido possível para levantar a moral do grupo e, nos próximos jogos, pontuar o mais rápido possível para olhar para cima e não para baixo", finalizou.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário