Gazeta Esportiva

Diego Simeone celebra título Espanhol: "fomos campeões em um ano difícil"

AFP - São Paulo,SP

22/05/21 | 18:22

O técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone, mostrou-se feliz neste sábado após a conquista do Campeonato Espanhol, elogiando o desempenho de seu time em um período repleto de adversidades e destacando a grande temporada do atacante uruguaio Luis Suárez.

"Viemos de um ano muito difícil, para o mundo, para a sociedade, difícil para todas as equipes e em um ano tão difícil o Atlético se sagrou campeão", disse Simeone em entrevista coletiva.

O treinador dos Colchoneros valorizou o crescimento da equipe na reta final de LaLiga e relembrou o desempenho do Atlético na temporada passada, quando a equipe madrilenha terminou a competição em terceiro colocado com 18 pontos de diferença para o campeão Real Madrid.

"Estou orgulhoso do crescimento constante, aquela transição que passamos na temporada passada, refletida neste ano quando voltou e se sagrar campeão. E isso tem uma marca, fala do clube e o time é feito de outra coisa, nas dificuldades, quando tudo parece impossível. O coronavírus, as lesões, não tem gente nos estádios. Foram 31 rodadas em primeiro lugar", acrescentou.

Simeone elogiou seu "elenco de jogadores que deram tudo de si" e destacou que Luis Suárez é "um homem de raça, desafiador, um goleador, um cara que diante da saída de um clube extraordinário como o Barcelona disse que quer continuar mostrando que continua bem".

"A equipe ajudou o Suárez, ele se envolveu, sentiu-se muito à vontade e por isso acabou fazendo uma temporada fantástica", disse Simeone.

Questionado se vai continuar na próxima temporada, o argentino afirmou que tem mais um ano de contrato e, por isso, permanecerá no clube.

"Lembro daquela tarde em que saíamos do (estádio Vicente) Calderón e falei às pessoas dizendo que ia ficar porque vi que o clube tinha futuro e fico muito feliz por não ter cometido um erro", finalizou o técnico campeão espanhol.

Deixe seu comentário