Gazeta Esportiva

Nico González e Joaquín Correa são cortados da Argentina; Ángel Correa e Thiago Almada são os substitutos na Copa

São Paulo, SP

17/11/22 | 17:21 - 17/11/22 | 18:30

Nesta quinta-feira, a AFA (Associação de Futebol Argentino) anunciou que o atacante Nicolás González sofreu uma lesão muscular durante o treinamento e será cortado do elenco na Copa do Mundo. Ángel Correa, do Atlético de Madrid, será convocado em seu lugar.

Nico González é jogador da Fiorentina e estava se recuperando de uma lesão sofrida no Campeonato Italiano, portanto não estava nas condições físicas ideais. O atleta reclamou de dores após o término do primeiro treino da seleção argentina em Doha, no Catar, e foi constatada a nova lesão.

O treinador Lionel Scaloni declarou nesta quarta-feira que alguns dos 26 jogadores convocados não estavam 100% e admitiu a possibilidade de mudanças na lista final para a Copa do Mundo. González estava entre os apontados com desgaste muscular, junto a Cristian Romero e Paulo Dybala.

Para substituir o desfalque, Ángel Correa foi convocado de última hora e fará parte do elenco argentino durante a Copa. O atacante havia sido convocado nos amistosos de setembro, contra Honduras e Jamaica. Pelo Atlético de Madrid, Correa jogou 21 partidas e marcou quatro gols na atual temporada.

A Argentina faz sua estreia na Copa no dia 22 de novembro, contra a Arábia Saudita. Os hermanos estão no Grupo C. Polônia e México completam a chave.

Joaquín Correa também está fora do Mundial; Almada ganha a vaga

Também nesta quinta, a seleção argentina informou outra baixa no plantel que representa o país na Copa do Catar. Joaquín Correa, atacante da Internazionale, sofreu uma lesão no joelho esquerdo e também está fora do Mundial. A informação foi publicada no Twitter da AFA.

Além disso, a federação anunciou que o substituto será Thiago Almada, do Atlanta United. O jovem jogador de 21 anos disputou 31 partidas nesta temporada pela equipe norte-americana, marcou sete gols e deu sete assistências.

O atleta era tido como favorito para assumir a vaga por estar presente na lista preliminar da Argentina antes da convocação dos 26 jogadores e venceu a disputa com concorrentes do futebol europeu, como Giovane Simeone, do Napoli, e Alejandro Garnacho, do Manchester United.

Deixe seu comentário