Adversário do Santos, Moacir Júnior elogia Sampaoli e quer fazer história pelo América-RN

Luca Castilho* - São Paulo,SP

07-03-2019 09:00:47

Moacir Junior quer fazer história pelo América (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Nesta quinta-feira, dia 7 de março, o América-RN terá o primeiro grande confronto da temporada. No Pacaembu, a equipe potiguar encara o Santos, às 21h30 (de Brasília), pela segunda fase da Copa do Brasil, buscando seguir vivo na competição.

No comando do Mecão desde o início de fevereiro, quando Luizinho Lopes foi demitido, Moacir Júnior tem grandes expectativas para o confronto. Em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, o técnico elogiou o time paulista, mas acredita nos seus comandados. O América tenta repetir o feito de 2007, quando derrotou o Peixe na Vila Belmiro por 3 a 2, mas no Campeonato Brasileiro.

"Se existe a história a gente precisa se apegar a ela. Agora melhor do que contar história é fazer história. E o grupo que está aqui, que veio para São Paulo, não veio para passear. Veio para levar uma classificação para Natal. Claro que é improvável, mas a gente sabe que no futebol tudo é possível. Vamos buscar fazer um grande jogo e uma vaga na próxima fase", afirmou o comandante.

O treinador, que até agora conquistou três vitórias, um empate e uma derrota pelo América, elogiou o técnico do Santos, Jorge Sampaoli e o comparou a Fernando Diniz, atualmente no Fluminense.

"É lógico que a equipe dele tem um orçamento muito maior que o América. Ele tem peças de reposição muito melhores. Só que eu sinceramente gosto muito da forma intensiva que ele prega em seus trabalhos", ressaltou Moacir, que emendou. "Eu acho o trabalho, a forma do time dele jogar muito parecida com o Fernando Diniz. Analisei vários jogos do Santos e já enfrentei várias vezes o Audax do Diniz. Então eu acho que existe uma similaridade do trabalho de ambos", completou o técnico, que coleciona passagens pelo Botafogo-SP, Linense e América-MG.

Técnico assumiu o América no início de fevereiro (Foto: Canindé Pereira/América)

Além da Copa do Brasil, o América disputa o Campeonato Potiguar e o Brasileiro Série D nesta temporada. Moacir comentou sobre os objetivos do clube nas competições.

"O América é uma equipe que está se reconstruindo. O grande e principal objetivo desse ano é o retorno à Série C do Brasileiro. Não pode um time da magnitude do América estar jogando a Série D. Além disso, fazer o melhor possível na Copa do Brasil, buscar retomar a hegemonia do arquirrival (ABC) no estadual e principalmente voltar para a Série C do Brasileiro", concluiu Moacir Júnior.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Deixe seu comentário