Corrida e Caminhada/São Silvestrinha

Crianças descalças fazem a festa em 21ª São Silvestrinha

Beatriz Cesarini e André Sender - São Paulo
21/12/2014 09:00:20 — 17/11/2015 16:41:31

Em: Atletismo, Mais Esportes, São Silvestrinha

A 21ª São Silvestrinha contou com atletas mirins corajosos. As crianças encararam o forte calor da tarde de sábado e correram pela pista quente do Centro de Treinamentos e Pesquisa, na zona sul de São Paulo, sem calçar nenhum tipo de sapato. Muitos conseguiram finalizar a prova, mas uma jovem chegou a desistir, com receio de queimar os pés.

Caíque Rodrigues foi uma das crianças que participou da versão infanto-juvenil da corrida de rua mais tradicional da América Latina sem tênis.

“Eu fico brincando na rua descalço, então eu prefiro correr desse jeito. Não machuca meu pé. Nem sei a quanto tempo estou treinando para essa prova, mas pretendo correr outras corridas quando for mas velho, só que não tenho certeza se será descalço”, comentou o jovem de 12 anos de idade.

Alguns jovens atletas encaram a pista quente da São Silvestrinha sem tênis e usaram o chip no tornozelo
Alguns jovens atletas encaram a pista quente da São Silvestrinha sem tênis e usaram o chip no tornozelo – Credito: Fernando Dantas/Gazeta Press

Apesar da coragem estar lá, a dor foi maior para algumas crianças. Uma jovem de 14 anos, ao competir os 600m em sua categoria, desistiu logo após a buzinada que indicava a largada. A atleta precisou sair da pista, pois não aguentou o forte calor que queimou seus pés descalços.

Na retirada dos kits, os organizadores da prova entregaram aos participantes um chip que afere o tempo para ser colocado no tênis. Os jovens atletas descalços tiveram que prender o aparato no tornozelo e, assim, conseguiram ter seus tempos registrados.

* Especial para a Gazeta Esportiva.Net

Ads – Rodapé Posts