Marc Márquez rasga elogios às concorrentes Yamaha e Ducati

São Paulo, SP

23-06-2017 19:00:34

Após fechar o segundo treino livre para o Grande Prêmio da Holanda de MotoGP na terceira posição, o espanhol Marc Márquez, da Honda, aproveitou para reconhecer a qualidade de seus adversários. Atual campeão, o piloto destacou a força das rivais Yamaha e Ducati para esta etapa, que é a oitava da temporada 2017 da categoria.

Sobre a Yamaha, Marc Márquez destacou não só a qualidade do líder da atual temporada, o espanhol Maverick Viñales, mas também do francês Johann Zarco, sexto na classificação geral, e do alemão Jonas Folger, que foi o segundo colocado no treino livre desta sexta-feira.

"Todas as motos Yamaha (estão fortes), também (Johann) Zarco. Se ver seu ritmo, ele vem muito forte e rápido. Jonas (Folger) não vem mal. Aqui normalmente Viñales tem boas corridas. Aqui, a cada ano, a Yamaha trabalha muito bem", enalteceu o espanhol da Honda ao jornal Marca.

Marc Márquez ainda aproveitou para elogiar a estabilidade das motos Yamaha em Assen. O espanhol usou como exemplo o desempenho desta sexta-feira do italiano Valentino Rossi, que já venceu o GP da Holanda em sete oportunidades, e disse que a Honda precisa de armas diferentes para ficar com o lugar mais alto no pódio.

"Um de seus pontos fortes sempre foi a estabilidade nas curvas rápidas e aqui é cheio de curvas rápidas. Pude fazer três quartos de volta atrás do Valentino e pude ver que tem uma moto muito estável, fácil de conduzir. Isto os permite ter um ritmo muito constante. É aonde nós temos que trabalhar. Sabemos que nossa moto é mais instável, mas temos que trabalhar para ganhar em outros pontos. Acredito que podemos", declarou.

Marc Márquez também fez questão de falar sobre as motos Ducati. O espanhol usou como exemplo o desempenho do italiano Andrea Dovizioso, que é o vice-líder do campeonato e ficou com a quarta colocação nos treinos livres desta sexta-feira. "Se confirmam como um claro candidato ao título. Em um circuito em que eles normalmente sofrem um pouco, Dovizioso ficou logo atrás de mim", alertou.

O treino classificatório para o GP da Holanda de MotoGP está marcado para este sábado, às 8h30(de Brasília). A corrida no tradicional circuito de Assen acontece no domingo, às 8h(de Brasília).

Deixe seu comentário