Para Sainz, Hulkenberg venceria corridas se corresse em equipe grande

São Paulo, SP

26-01-2019 14:24:11

Nico Hulkenberg possui um recorde incômodo na Fórmula 1, ao ser o corredor com maior número de provas sem nunca ter alcançado um pódio, são 156. Ainda assim, o alemão fez uma boa temporada em 2018 com a Renault e foi o melhor competidor entre as equipes que não estão no top 3 da categoria (Mercedes, Ferrari e Red Bull). Com um bom potencial, Hulkenberg vai correndo pelas beiradas para se destacar dentre os mais rápidos.

E um ex-companheiro de equipe do alemão tratou de encher a bola do piloto. Carlos Sainz, que correu ao lado de Hulk de 2017 a 2018 vê um desempenho do antigo colega mesmo com um carro abaixo dos melhores. “No ano em que eu cheguei à Renault, Nico já vinha tendo um ano muito forte. Eu o vi rendendo no nível mais alto que já vi no pelotão intermediário por anos", disse.

Para o espanhol, com um carro mais competitivo, o jejum de Hulkenberg teria um fim. "Para mim, ele é um daqueles caras que, se você der uma Mercedes, Ferrari ou Red Bull, ele venceria corridas logo de cara. Mas, infelizmente, quem está de fora não consegue ver isso, não dá para calcular, já que a F1 é desse jeito mesmo”, declarou Sainz.

A parceria com Hulk acabou com a ida de Sainz para a McLaren, onde vai correr ao lado de Lando Norris, mas o espanhol exaltou muito o piloto. “Nico é um daqueles caras com quem aprendi muito e vou para a McLaren com essa experiência, tendo dividido a equipe com um dos pilotos mais talentosos do grid no momento. Espero que sim, porque isso também significaria que eles estão melhorando o motor, e o motor vai para a McLaren e a McLaren também começa a dar certo”, brincou o espanhol. Vejo muitos caras bons lá. Conheci gente como Nick Chester [diretor técnico da parte de chassis], que são caras de ponta, e as pessoas realmente querem voltar ao caminho das vitórias”, finalizou.

 

Deixe seu comentário