Max Verstappen é multado em 50 mil euros após tocar no carro da Mercedes

Marcelo Baseggio - São Paulo,SP

13/11/21 | 13:57 - 13/11/21 | 15:20

Max Verstappen foi multado em 50 mil euros (R$ 312 mil) por ter tocado no carro da Mercedes em regime de “parque fechado”, logo após o treino classificatório para a Sprint Race, na última sexta-feira, no autódromo de Interlagos.

O piloto holandês da Red Bull foi conferir a asa móvel de Hamilton após o piloto da Mercedes registrar o melhor tempo nos treinos livre e classificatório. Sua equipe, inclusive, já havia levantado a suspeita de quebra do regulamento por parte dos rivais.


O diretor esportivo da Red Bull, Jon Wheatley, foi chamado às 9h30 (de Brasília) deste sábado pelos comissários da FIA para discutir sobre o ocorrido. Vale lembrar que o ato de Max Verstappen só foi descoberto graças a um vídeo gravado por um fã que estava na arquibancada em frente ao local em que a checagem do holandês no carro da Mercedes ocorreu.

A FIA também deverá divulgar neste sábado o resultado da investigação sobre a asa móvel de Lewis Hamilton. De acordo com a entidade, a distância entre os dois elementos da asa móvel deve ser de, no máximo, 85mm, mas o carro da montadora alemã contava com uma distância maior que essa.

Vale lembrar que Lewis Hamilton já perdeu cinco posições do grid de largada do GP de São Paulo de Fórmula 1 pela troca do motor de combustão interna (ICE). Na Turquia, o piloto já havia recebido uma punição de dez posições no grid de largada por uma mudança um pouco maior em sua unidade de potência.

Deixe seu comentário