Fórmula 1/Bastidores

Hamilton diz que rivalidade com a Red Bull seria “épica”

São Paulo , SP
14/01/2019 15:46:17

Em: Fórmula 1, Motor

Na última temporada da Fórmula 1, Mercedes e Ferrari foram os grandes concorrentes ao Mundial de Construtores, deixando a Red Bull para trás como a terceira força do grid. No entanto, a equipe começa 2019 com novo motor Honda e com Pierre Gasly substituindo Daniel Ricciardo, que foi para a Renault, e promete acirrar a disputa pelo título.

Campeão do Mundial de Pilotos pela quinta vez, Lewis Hamilton, da Mercedes, disse que espera uma Red Bull competitiva em 2019. “Eles têm um novo motor nesse ano. Será que vão competir com o nosso? Espero que sim, porque seria épico se a Red Bull pudesse realmente começar a se misturar com a gente”, disse o britânico ao site da Fórmula 1.

Hamilton espera competir também com a Red Bull em 2019(Foto: Mark Thompson/AFP)

Mesmo assim, Hamilton destacou outras áreas em que a Red Bull precisa evoluir. “Eles precisam melhorar sua confiabilidade, que foi um grande obstáculo para eles”, analisou. “Há muitas áreas, mas eu realmente lhes desejo o melhor, e estamos prontos para competir”.

O Britânico da Mercedes também disse que, mesmo com as melhoras da Red Bull, espera disputar o próximo Mundial de Pilotos com Vettel. “Eu imaginaria que será Sebastian [Vettel, como meu maior rival] e Valtteri [Bottas] junto comigo”, declarou.

A temporada de 2019 da Fórmula 1 terá início no dia 17 de março, com o Grande Prêmio da Austrália. Os testes de pré-temporada começam no dia 18 de fevereiro em Barcelona.

Depois de 12 anos com motor Renault, a Red Bull terá motores Honda em 2019 (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)