FIA quer "esclarecer" seu regulamento após confusão com Alonso na Arábia Saudita - Gazeta Esportiva
FIA quer "esclarecer" seu regulamento após confusão com Alonso na Arábia Saudita

FIA quer "esclarecer" seu regulamento após confusão com Alonso na Arábia Saudita

Gazeta Esportiva

Por AFP

20/03/2023 às 19:01

São Paulo, SP

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) quer "esclarecer" seu regulamento antes do Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1, programado para o dia 2 de abril, depois do ocorrido no último domingo na Arábia Saudita. O espanhol Fernando Alonso teve seu terceiro lugar retirado ao final da corrida e devolvido horas depois.



 










Ver esta publicação no Instagram























 

Uma publicação partilhada por FORMULA 1® (@f1)






Alonso, que largou na segunda posição, recebeu uma primeira punição de cinco segundos por não ter posicionado seu carro corretamente no grid.

Ele cumpriu a penalização em sua primeira parada nos boxes, mas os comissários de prova consideraram que um mecânico da Aston Martin tocou no carro antes do tempo de cinco segundos.

O veterano piloto espanhol, de 41 anos, recebeu por isso uma punição de 10 segundos, que o colocava na quarta posição, apesar de ter chegado em terceiro.

Mas a Aston Martin provou com documentos que outras equipes já tinham procedido da mesma forma anteriormente e não foram punidas.

O regulamento estipula que, durante a penalização, "não é permitido trabalhar no carro", sem especificar o que exatamente se entende por essa expressão.

Após estudarem o caso, os comissários da FIA devolveram a Alonso o terceiro lugar, atrás das Red Bull do mexicano Sergio Pérez, vencedor da corrida, e do holandês Max Verstappen.

"Esta questão será abordada na próxima reunião do Comitê Consultivo Esportivo, marcada para quinta-feira, 23 de março", informou um porta-voz da FIA, responsável pelo regulamento da Fórmula 1.

"Um esclarecimento será publicado antes do Grande Prêmio da Austrália", acrescentou o porta-voz.

Conteúdo Patrocinado