Motor/ Fórmula 1

Desempenho em Austin faz McLaren ficar otimista para 2016

São Paulo , SP
28/10/2015 11:04:53

Em: Fórmula 1, Motor
Os tempos podem clarear para a McLaren a partir de 2016 (Foto: Clive Masojn/ AFP)
Os tempos podem clarear para a McLaren a partir de 2016 (Foto: Clive Masojn/ AFP)

O otimismo parece estar voltando aos boxes da McLaren. O sexto lugar de Jenson Button e a corrida competitiva de Fernando Alonso no GP dos Estados Unidos, no último final de semana, deram sinais de que a equipe britânica pode voltar a estar entre as melhores no grid da Fórmula 1. Em entrevista ao site Motorsport.com, o diretor de corridas do time de Woking, Eric Boullier, destacou que os avanços conquistados nesta reta final de temporada são importantes para a sequência do trabalho no ano que vem.

No último domingo, em Austin, um motor atualizado para Fernando Alonson, além de uma série de novos conceitos aerodinâmicos, ajudaram a McLaren na realização de sua corrida mais competitiva em 2015, embora o espanhol tenha perdido potência durante as últimas voltas devido a problemas mecânicos.

“Obviamente isso é muito positivo para a equipe, especialmente no final da temporada e para manter a moral para o inverno. É também uma recompensa para todos que têm trabalhado duro”, disse o francês, ressaltando que, apesar das inúmeras dificuldades e críticas, a equipe seguiu trabalhando duro nas melhorias dos carros.

O diretor Eric Boullier ficou satisfeito com os avanços da McLaren neste fim de temporada (Foto: Mark Thompson/ AFP)
O diretor Eric Boullier ficou satisfeito com os avanços da McLaren neste fim de temporada (Foto: Mark Thompson/ AFP)

“Nós estávamos tão distantes dos outros, mas todo mundo continuou trabalhando, trabalhando, trabalhando, apaixonadamente trabalhando. Por isso, é bom ver um pouco de incentivo”, acrescentou.

Após 16 corridas, a McLaren soma 27 pontos, à frente apenas da Manor no Mundial de Construtores. Boullier, no entanto, está otimista em relação ao futuro do time britânico. “A equipe fez um bom trabalho para usar qualquer oportunidade de voltar para onde deveríamos estar. Tivemos alguns sinais neste fim de semana para recompensar o progresso que estamos fazendo”, sinalizou.

“Nós não somos competitivos ainda, mas é evidente que você pode ver que há alguns esforços, por isso é bom”, encerrou.