Motor/Fórmula 1

Fernando Alonso revela que considerou deixar a Fórmula 1 em 2017

São Paulo , SP
13/03/2018 11:32:30

Em: Fórmula 1, Motor

Fernando Alonso já deixou claro que ambiciona encerrar a carreira nas pistas com a tríplice coroa do automobilismo, que inclui o GP de Monaco, já conquistado, as 500 milhas de Indianápolis e as 24h de Le Mans. Em 2017, o piloto espanhol já estreou na prova da categoria americana e, na atual temporada, conciliará o calendário da Fórmula 1 com o do Mundial e Endurance (WEC).

No ano passado, o desempenho da McLaren deixou a desejar e a falta de resultados motivou Alonso a buscar com mais ênfase o sonho de vencer nas três principais provas. Para isso, o espanhol admitiu que cogitou deixar a Fórmula 1, mas decidiu voltar atrás.

Fernando Alonso não chegou nenhuma vez no pódio em 2017 (Foto: Dan Istitene/AFP)

“Sim, devo dizer que pensei na possibilidade de mudar de categoria e deixar a F1 após a temporada de 2017. Depois da Indy 500 do ano passado, eu pensei que talvez estivesse na hora de outro campeonato. Eu poderia me dedicar a Tríplice Coroa e andar em Indy e Le Mans. Mas não pareceu a hora certa. Eu sabia que passaria o resto da minha vida arrependido disso, ficaria com esse gosto ruim pelo resto da carreira”, disse em entrevista a revista F1 Racing.

Para a temporada 2018, a equipe de Alonso vive a esperança e a expectativa de um ano com mais sucessos e, para isso, começou trocando a fornecedora de motores, abandonando a Honda e assinando com a Renault. O piloto ainda revelou que essa especificidade pode trazer um ano positivo para a McLaren.

“Definitivamente, ainda quero ter sucesso. Há negócios inacabados entre eu e a McLaren. Acho que este ano será o momento em que todas essas coisas irão mudar. Estou bem certo disso”, ressaltou. “Acredito, sim, na volta à normalidade, de volta à sensação normal de ter todo GP, se preparando nos treinos e na classificação sabendo que, se formos bem, estaremos no pódio”, completou Alonso.