Em jogo sofrido, Brasil vence a França pelo vôlei masculino em Tóquio

São Paulo, SP

01-08-2021 01:56:36

Neste domingo, o Brasil conseguiu um importante resultado em seu último jogo na fase de grupos do vôlei masculino em Tóquio. Na Arena Ariake, a equipe comandada por Renan dal Zotto derrotou a França por 3 sets a 2, com parciais 25/22, 37/39, 25/17, 21/25 e 20/18.

A França começou na frente do placar no primeiro set, porém o Brasil rapidamente tomou o controle do jogo. Lucarelli e Wallace comandaram os ataques da equipe, que manteve a vantagem até o fim da parcial, fechando em 25/22 com um erro de saque de Ngapeth, destaque do adversário.

O segundo set foi mais duro para os brasileiros. A França esteve à frente do placar na maior parte da parcial, porém o time comandado por Renan cresceu na reta final e levou a disputa para a decisão por melhor de dois. Após diversas alternâncias, os europeus fecharam em 39/37, com uma largada de Ngapeth, após 51 minutos.


No terceiro set, o Brasil voltou mais seguro defensivamente, encaixando no bloqueio e com uma melhor cobertura. O grande destaque da equipe foi Lucão, que somou seis pontos na parcial, sendo quatro deles em bloqueio. Inclusive, foi dessa forma que os brasileiros fecharam o set, fazendo 25/17.

O Brasil começou imprimindo um ritmo forte no quarto set, abrindo uma vantagem de quatro pontos. No entanto, com alguns erros bobos no ataque e Ngapeth voando do outro lado, a equipe viu os franceses assumirem a dianteira e não conseguiu mais reagir. A França fechou em 25/21, com uma largada de Patry.

O início do Brasil no tie break foi avassalador, abrindo 4/0. Apesar disso, o time não conseguiu manter o nível e viu os ataques dos adversários entrarem, tornando a disputa equilibrada até o final. Com dois ataques seguidos de Leal, os brasileiros fecharam por 20/18.

Com o resultado, o Brasil chegou aos dez pontos, ocupando momentaneamente a primeira colocação do grupo A. O Comitê Olímpico Russo ainda joga pela última rodada e pode retomar a liderança. O adversário dos brasileiros nas quartas dependerá da classificação final.

Deixe seu comentário