Mais Esportes/Tênis

Sharapova vence chinesa graças à desistência e consola jovem adversária

São Paulo , SP
02/01/2019 11:22:41 — 02/01/2019 11:23:07

Em: Mais Esportes, Tênis

Um gesto admirável protagonizada por Maria Sharapova roubou a cena na quarta-feira de WTA de Shenzhen. A russa, que se prepara para disputar o primeiro Grand Slam do ano, o Australia Open, perdia o jogo das oitavas do torneio chinês para a atleta da casa Wang Xinyu, de apenas 17 anos, quando a jovem foi forçada a desistir da partida por conta de fortes cãibras. Sharapova então foi consolar a adversária.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

“You played unbelievable.” . A great moment between @mariasharapova & Wang Xinyu after she was forced to retire. 🙏#ShenzhenOpen

Uma publicação compartilhada por WTA (@wta) em

No momento da desistência, mesmo jogando cinco games no sacrifício, a chinesa vencia Sharapova por 7/6 e 2/0. Com a vitória, a ex-número 1 do mundo logo foi no banco de Wang e falou algumas palavras de incentivo para a jovem. “Você jogou de forma inacreditável. Se cuide agora. Se você continuar jogando desse jeito será número 1 um dia. Eu prometo. Cãibras são um saco mesmo. Você está bebendo o bastante? Continue se hidratando”, disse a russa, preocupada.

O avanço leva Sharapova às quartas, onde vai encarar a favorita ao título do torneio, a bielorrussa Aryna Sabalenka, número 13 do ranking.