Rogerinho vence equatoriano de virada e vai à final em Barranquilla

São Paulo, SP

12-09-2015 19:57:56

O brasileiro Rogério Dutra Silva atingiu, neste sábado, sua terceira final na atual temporada. O paulista de 31 anos, número 191 do ranking mundial, venceu o equatoriano Giovanni Lapentti (229º), irmão do ex-tenista Nicolas Lapentti, e assegurou uma vaga na decisão do Challenger de Barranquilla, disputado no saibro colombiano.

O equilibrado primeiro set foi levado pelo equatoriano por 7/6 (7-3). O equilíbrio, porém, deixou a quadra nas parciais seguintes muito por conta da boa atuação do brasileiro. Rogerinho foi agressivo e virou a partida com 6/1 e 6/2, dando números finais à partida que durou 2h01.

Quando Rogerinho entrar na quadra neste domingo, estará disputando sua terceira final do circuito Challenger em 2015. Na primeira, em junho, ele caiu para o argentino Federico Delbonis, por 2 sets a 0, em Milão, na Itália. A recompensa veio dois meses depois, em Praga, na República Tcheca, onde derrotou Radu Albot, da Moldávia.

O adversário de Rogério Dutra Silva em Barranquilla sairá do confronto entre o croata Borna Coric, cabeça de chave 1 e número 33 do mundo, e argentino Juan Ignacio Londero (348º), que jogam ainda na noite deste sábado.

Borna Coric, inclusive, estará em Florianópolis, no próximo final de semana, para defender a Croácia no confronto com o Brasil, pela repescagem do Grupo Mundial da Copa Davis.

Deixe seu comentário