Martina Hingis vence nos EUA e conquista 15º Grand Slam em duplas

São Paulo, SP

13/09/15 | 22:03 - 14/09/15 | 16:06

Martina Hingis (à esquerda) e Sania Mirza conquistaram o Aberto dos Estados Unidos neste domingo (Foto: Jewel Samad/AFP)
Martina Hingis (à esquerda) e Sania Mirza conquistaram o Aberto dos Estados Unidos neste domingo (Foto: Jewel Samad/AFP)

A veterana Martina Hingis pode bater no peito e dizer que é a maior duplista de todos os tempos. Neste domingo, a suíça, ao lado da indiana Sania Mirza, conquistou o bicampeonato da chave de duplas do Aberto dos Estados Unidos ao derrotar na final a australiana Casey Dellacqua e a cazaque Yaroslava Shvedova, por 2 sets a 0, com duplo 6/3.

Hingis, de 34 anos, já havia sido campeã do torneio de duplas em Nova York no ano de 1998. No ano passado, caiu na final fazendo parceria com a italiana Flavia Pennetta, que surpreendeu e conquistou o título de simples no último sábado ao superar a compatriota Roberta Vinci.

Além disso, Hingis ganhou nesta semana o campeonato de duplas mistas junto ao indiano Leander Paes, convertendo-se na duplista com mais vitórias em torneios do Grand Slam em toda a história, com um total de 15 conquistas.

Mas não é só nas duplas que a veterana tenista da Suíça se destacou em sua carreira. Antes de sua primeira aposentadoria, Hingis faturou três vezes a chave de simples do Aberto da Austrália, uma Wimbledon e outra o Aberto dos Estados Unidos.

Desde que voltou às quadras, a ex-número 1 do mundo não deixou de conquistar importantes resultados, especialmente desde que se uniu neste ano a Mirza, com quem ganhou seus três primeiros torneios como duplista e com quem, em Wimbledon, voltou a faturar um Grand Slam de duplas femininas pela primeira vez em três anos.

 

 

Deixe seu comentário