Halep tem dificuldades, mas vai às semifinais em Sydney

São Paulo, SP

13-01-2016 08:52:21

Simona Halep parece realmente ter se recuperado da lesão no tendão de Aquiles que a fez abandonar o torneio de Brisbane. Na madrugada desta quarta-feira a romena entrou em quadra para encarar a tcheca Karolina Pliskova e levou a melhor, vencendo por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 7/5, e avançando às semifinais do ATP de Sydney.

O primeiro set foi marcado pela agressividade de Simona Halep, que logo no terceiro game já quebrou o saque da adversária e no serviço seguinte Pliskova também não teve sucesso e foi anulada mais uma vez pela adversária. A tenista tcheca até tentou dar o troco, garantindo um breakpoint, mas não foi o suficiente para empatar o jogo. Com isso, Halep fechou a primeira parcial em 6/4.

Parecia que Halep não teria muitas dificuldades no segundo set, quando anulou o serviço de Pliskova logo no primeiro game com a tcheca sacando. No entanto, a 11ª colocada do ranking da ATP conseguiu se recuperar na partida, devolveu a quebra e jogou a responsabilidade para o outro lado da quadra. O jogo ainda teria um festival de quebras de saque antes de Halep conseguir se reafirmar e fechar a parcial em 7/5.

“Foi difícil hoje. Foi por muito pouco. Eu estava liderando no primeiro set por 5 a 1, mas ela se recuperou e foi realmente forte. Ela garantiu dois games na sequência. Eu sei que ela vinha jogando duro, bem, e ela é forte quando saca. Eu esperava que ela iria atingir as bolas com precisão hoje”, comentou Halep, ciente da dificuldade do duelo.

Agora, a número dois do mundo enfrenta a russa Svetlana Kuznetsova, que passou pela italiana Sara Errani por 2 sets a 0, parciais de 7/6 e 6/0. Do outro lado da chave a outra semifinal será protagonizada pela suíça Belinda Bencic e pela porto-riquenha Monica Puig.

Deixe seu comentário