Em feito inédito, Dimitrov vai à final em Cincinnati; Halep avança

São Paulo, SP

19-08-2017 19:07:26

Dimitrov disputará a 12ª final de sua carreira (Foto: Rob Carr/AFP)

Nas semifinais do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, o búlgaro Grigor Dimitrov venceu o norte-americano John Isner, neste sábado, e garantiu vaga na luta pelo título do torneio. A disputa acirradíssima durou 2h05 e teve parciais de 7/6 (7-4) e 7/6 (12-10). Esta é a primeira vez que Dimitrov chega à decisão de um Masters.

Na primeira série do embate não houve serviços perdidos. O bom desempenho dos dois lados da quadra forçaram o tie-break quando o placar marcava 7 a 6 para Dimitrov. No desempate, Isner errou o quinto saque e deixou o adversário marcar três pontos seguidos, fazendo 7/4.

O segundo set também foi disputado e nenhum game foi perdido. No tie-break, apesar de ter errado em dois serviços, Dimitrov quebrou o adversário em três oportunidades e liquidou a partida, por 7/6 (12-10).

O búlgaro encara na última etapa do torneio americano o vencedor do duelo entre o australiano Nick Kyrgios e o espanhol David Ferrer, que também lutam por vaga na final.

No feminino, a espanhola Garbine Muguruza enfrentará a romena Simona Halep na final. No piso americano, Garbine bateu a tcheca Karolina Pliskova em dois sets diretos. O jogo de 1h21 teve parciais de 6/3 e 6/2.

Na outra semifinal, a atual número dois do mundo encarou a dona da casa, Sloane Stephen. A romena venceu em dois sets diretos. A partida foi tranquila para Halep e teve parciais de 6/2 e 6/1. Durante o jogo, ela conseguiu quebrar a rival em cinco serviços — três na segunda série.

Deixe seu comentário