Djokovic sofre, comete 100 erros, mas avança para encarar Nishikori

São Paulo, SP

24-01-2016 08:40:28

Grande favorito ao título do Aberto da Austrália, Novak Djokovic finalmente encontrou um adversário que exigisse mais do sérvio. Gilles Simon, atual número 15 do mundo, não facilitou as coisas, exigindo que o melhor do mundo na atualidade fosse obrigado a disputar cinco sets até se classificar para as quartas de final. Após quatro horas e 32 minutos, o cabeça de chave número 1 bateu o francês por 6/3, 6/7 (1), 6/4, 4/6 e 6/3.

Novak Djokovic vai em busca do sexto título do Aberto da Austrália (Foto: Paul Crock/AFP)
Novak Djokovic vai em busca do sexto título do Aberto da Austrália (Foto: Paul Crock/AFP)

A performance do sérvio não se mostrou tão regular quanto os fãs de tênis estavam acostumados a ver nos últimos tempos. O número 1 do mundo tentou vencer os pontos de maneira mais rápida, visto que subiu à rede em 47 oportunidades, práticas não muito recorrentes nos jogos de Novak. Gilles, porém, não entregou os pontos facilmente, exigindo do adversário mais do que vinha apresentando no torneio.

O desconforto de Djokovic era visível, uma vez que cometeu falhas nada comuns para ele, como desperdiçar 19 chances de quebrar o rival, aproveitando apenas seis delas. Além disso, o dado mais impressionando do confronto ficou por conta dos erros não-forçados cometidos pelo número 1 do mundo: 100.

Mesmo assim, o sérvio garantiu 62 bolas vencedoras, 30 a mais do que seu oponente, e os 70% de aproveitamento de primeiro serviço ajudaram Nole a seguir no torneio. Seu próximo oponente será Kei Nishikori.

O jogo entre os cabeças de chave 7 e 9 do Aberto da Austrália teria de ser, na teoria, equilibrado. Mas não se viu grande disputa entre Kei Nishikori e Jo-Wilfried Tsonga, na madrugada deste domingo, em Melbourne. Com facilidade, o japonês venceu o francês por 3 sets a 0, parciais de 6/4, 6/2 e 6/4.

Kei Nishikori espera chegar à semifinal do Aberto da Austrália pela primeira vez (Foto: Greg Wood/AFP)
Kei Nishikori espera chegar à semifinal do Aberto da Austrália pela primeira vez (Foto: Greg Wood/AFP)

"Eu me sinto bem jogando contra esse adversário (Jo-Wilfried Tsonga), estou feliz com meu desempenho e por estar nas quartas", disse Nishikori, que falou sobre a chance de enfrentar Novak Djokovic na próxima rodada antes mesmo de saber o resultado do sérvio. "Ele está jogando de maneira fantástica".

Desde o início do jogo, Nishikori se mostrou mais disposto atacar. Ainda assim, cometia menos erros diante de um adversário pouquíssimo inspirado e superior nas estatísticas apenas no número de aces - algo esperado pelas características dos dois jogadores.

Deixe seu comentário