Isaquias e Erlon encerram Mundial de canoagem com 4º lugar 

São Paulo, SP

27-08-2017 22:30:43

O Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade, realizado em Racice, na República Tcheca, teve fim neste domingo com diversos brasileiros na água. O melhor resultado, porém, não foi de medalha. A dupla formada por Isaquias Queiroz e Erlon Souza entrou na disputa da categoria C2 masculino 1000m e acabou ficando apenas na quarta colocação.

A perda da medalha foi por uma diferença mínima. Em disputa na Labe Arena, os brasileiros terminaram apenas 1.2 segundo atrás da embarcação russa, que ficou com a terceira colocação. A prova foi vencida pela dupla alemã, enquanto o vice-campeonato ficou com Cuba.

O Brasil ainda disputou outras duas finais A neste domingo. Valdenice Conceição competiu por uma medalha no C1 Feminino 200m, mas acabou terminando na sexta colocação, com tempo de 48s494.

Após a disputa feminina, Erlon Souza voltou para a água agora para competir ao lado de Maico Santos, que disputou seu primeiro Mundial Sênior, na luta por medalha no C2 Masculino 200m. Os brasileiros, porém, não fizeram uma boa largada e cruzaram a linha de chegada na oitava posição.

O Brasil ainda teve disputas em duas finais B. Edson Silva competiu na categoria K1 Masculino 200m e terminou a prova na oitava colocação, em disputa encerrada com todos os atletas tendo menos de dois segundos de diferença.

O outro brasileiro a competir foi Vagner Souta, que disputou a final B da categoria K1 500m. O atleta terminou a prova na oitava colocação.

Alvaro Koslowski, chefe de equipe brasileira na República Tcheca e Supervisor da Canoagem Velocidade junto à CBCa, comentou sobre a competição e analisou o saldo como positivo.

“Esse é um ano de reestruturação da Canoagem no Brasil, e também temos que levar em conta que é apenas o primeiro ano do ciclo olímpico Tóquio 2020. Tendo essas coisas em mente, posso dizer que este evento foi positivo. Todos os nossos atletas alcançaram finais, e na canoa mostramos que estamos muito fortes, com as cinco embarcações em finais A. Sempre queremos mais medalhas, mas o resultado foi dentro do esperado para este ano”, declarou.

Apesar do dia sem medalhas neste domingo, a canoagem brasileiro volta com um bronze conquistado por Isaquías Queiroz na categoria C1 1000m masculino.

A Paracanoagem teve um desempenho ainda melhor, com um ouro e um bronze para Luis Carlos Cardoso, nas categorias VL1 masculino e KL1 masculino, respectivamente, e duas pratas para Caio Ribeiro, na VL3 e na KL3 masculino.

Deixe seu comentário