Mais Esportes/Ginástica

Sem Jade, Brasil conquista bronze por equipe e vai a sete finais individuais no Pan

São Paulo , SP
28/07/2019 09:37:00

Em: Ginástica, Jogos Pan-Americanos, Mais Esportes, Notícias

Jade Barbosa não estava na disputa da ginástica brasileira no último sábado, mas isso dentro de “campo”. Ali do lado, com lesão no joelho, a mais experiente desta seleção, ajudou até mesmo a jogar água nas barras assimétricas, apoiou e abraçou as companheiras e viu o Brasil conquistar o bronze com 158,550 pontos e ir a sete finais. No total por aparelhos, classificaram Flávia Saraiva e Thais Fidelis.

Norte-americanas levaram o ouro e canadenses a medalha de prata (Foto: Ricardo Bufolin/CBG)

O time, sem Jade, foi composto por Flávia Saraiva, Lorrane Oliveira, Thaís Fidelis e Carolyne Pedro, que tiveram trabalho para estar no pódio, completado pelas norte-americanas, com o ouro (171,000 pontos), e canadenses, com a prata (160,600 pontos), ambas as seleções com campeãs e medalhistas mundiais.

O resultado, portanto, serve como uma boa referência para o Mundial de Stuttgart, que acontece em outubro, onde o Brasil vai buscar uma das nove vagas para a Olimpíada de Tóquio 2020.

A seleção de ginástica começou sua participação no salto. Carolyne foi a primeira e somou 13.450, seguida de Thaís Fidelis, que alcançou a marca de 13.550. Flavinha ficou com 14.500, fazendo um total de 41.500 no aparelho – lembrando que o Brasil não competiu esse aparelho individualmente.

Depois foi a vez das barras assimétricas, quando Thaís fez 12.950, Lorrane somou 14.000, Flavinha 12.800 e Carolyne 13.150, num total de 81.600 até aquele momento. Nesta categoria, Lorrane e Carolyne alcançaram classificação individual.

Na trave, Thaís Fidelis abriu a série com 12.200. Flavinha, que sofreu uma queda, ficou com 12.900, e Carolyne tirou 11.950 – apenas Flávia Saraiva disputou o individual. Por fim, o solo. Carolyne somou 12.800, Thaís encantou os torcedores presentes e marcou 13.300 e Flavinha fechou com 13.800, com o Brasil somando 158.550. Flavinha e Thaís disputarão as finais individuais. Todas elas acontecem na próxima segunda-feira.