Mais Esportes/Ginástica

Seleção de ginástica rítmica é definida para o Pan-Americano

São Paulo , SP
22/07/2019 21:38:14 — 22/07/2019 21:50:44

Em: Ginástica, Mais Esportes, Notícias

A Seleção Brasileira de Conjunto de Ginástica Rítmica foi definida para a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, que começarão na próxima sexta-feira. Camila Ferezin, treinadora e coordenadora de Seleções da CBG (Confederação Brasileira de Ginástica), selecionou as ginastas Deborah Medrado, Camila Rossi, Nicole Pircio, Vitória Guerra e Beatriz Linhares. No Individual, já estavam selecionadas Natália Gaudio e Bárbara Domingos.

As ginastas Deborah Medrado, Camila Rossi, Nicole Pircio, Vitória Guerra e Beatriz Linhares foram selecionadas. Natália Gaudio e Bárbara Domingos já haviam sido selecionadas no Individual (Foto: Divulgação)

Para a equipe do Conjunto, o Pan de Lima terá uma importância especial. As meninas brasileiras tentarão manter a hegemonia continental do país nos Jogos. Desde Winnipeg-1999 o Brasil conquistou todas as medalhas de ouro da prova geral por equipe. No Canadá, inclusive, foi quando ocorreu o primeiro ouro da Ginástica Rítmica brasileira.

“Nós temos grandes chances de conquistar a sexta medalha de ouro. Apesar de ter uma equipe jovem e aumentado as dificuldades da coreografia, conseguimos manter uma mesma estrutura de trabalho. Estamos indo para o Pan com praticamente a mesma equipe que foi para a Copa do Mundo de Guadalajara e, naquela oportunidade, vencemos nossas principais rivais do Pan. Atualmente o investimento e nível de trabalho de grupo dos países da América melhorou bastante, isso torna as competições mais disputadas, mas temos grandes chances e vamos fazer o nosso máximo para conseguir”, disse Camila.

A treinadora brasileira também avaliou o desempenho do time brasileiro ao longo da temporada, que confirmou a hegemonia na América do Sul em junho, vencendo o Campeonato Sul-Americano. O Conjunto do Brasil também teve ótimas performances na etapa da Copa do Mundo de Guadalajara (ESP), em maio, alcançando duas finais.

“Acredito que estamos chegando bem preparadas. Nos últimos tempos a equipe evoluiu bastante, elas estão conseguindo executar as séries, que estão bem difíceis, sem cometer falhas. Nossas coreografias de 2019 têm um grau de dificuldade nunca antes realizado, todas as colaborações com muitos critérios para somar à nota final, e isso termina exigindo mais da equipe, mas sinto que elas estão prontas na hora certa para executar as séries. Agora é trabalhar a parte emocional do grupo para ganhar mais confiança e executar as séries como estão executando no treinamento”, avaliou Camila.

Programação

Confira a programação da Ginástica Rítmica nos Jogos Pan-Americanos de Lima (horários de Brasília):
2/8 – Classificatória individual Arco e Bola (15h); classificatória de Conjuntos/ 5 Bolas (17h30)
3/8 – Classificatória individual Maças e Fita e final do Individual geral (15h); classificatória Conjunto/prova mista e final Geral (17h30)
4/8 – Finais individuais por aparelho: Arco e Bola (18h); Final de Conjunto/ 5 Bolas (20h)
5/8 – Finais individuais por aparelho: Maças e Fita (15h); Final de Conjunto/prova mista (17h)