Fabiana Murer analisa adversárias e prevê equilíbrio na final em Pequim

São Paulo, SP

25-08-2015 12:05:52

Fabiana Murer sabe que não terá vida fácil na final do salto com vara, pelo Mundial de Atletismo, em Pequim, na China. A brasileira voltará ao Estádio Ninho do Pássaro na manhã desta quarta-feira, dia 26, às 8 horas (de Brasília) para disputar um lugar no pódio com outras competidoras de alto nível. Campeã do mundo em Daegu 2011, na Coreia do Sul, ela conhece o potencial de cada adversária nesta briga por medalhas na capital chinesa.

Fabiana é uma das cinco finalistas que já superaram os 4,80m ao ar livre neste ano. As outras são a cubana Yarisley Silva, ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, que saltou 4,91m, a norte-americana Jennifer Suhr, campeã olímpica em Londres 2012, com 4,82m, a grega Nikoleta Kyriakopoulou, dona de uma marca de 4,83m e a russa Anzhelika Sidorova, com 4,80m.

“Essas são as que têm melhores marcas até agora, mas há várias outras atletas que vêm crescendo na temporada. A Sandi Morris (Estados Unidos) tem 4,76 m e está bem, a Martina Strutz (Alemanha), tem 4,65 m, e saltou muito bem na prova de qualificação”, analisou Murer, que espera uma prova forte, “com várias atletas lutando por um lugar no pódio”.

Nos 200m feminino, o Brasil será representado por duas velocistas na fase classificatória: Rosângela Santos na sexta bateria, às 8h50, e Vitória Rosa na sétima série, às 8h57.

Antes, porém, a equipe nacional vai à pista do Ninho do Pássaro com Jean Casimiro Rosa, na preliminar do salto triplo, às 23 horas desta terça-feira, Flávia Maria de Lima, na qualificação dos 800m, às 23h33, Eder Souza, Jonathan Mendes e João Vitor de Oliveira na fase classificatória dos 110m com barreiras, a partir de 00h20.

Deixe seu comentário