Tony Parker lamenta derrota para a Espanha diante da torcida: “Cruel”

São Paulo , SP
21/09/2015 11:32:47 — 21/09/2015 11:37:47

Em: Basquete, Mais Esportes

O armador Tony Parker não lidou bem com a derrota para a Espanha no Campeonato Europeu de basquete. Em entrevista ao jornal L’Équipe, a estrela do San Antonio Spurs que o troféu, conquistado pelos espanhóis no domingo, diante da Lituânia, tenha sido decidido no minuto final da semifinal contra a França.

“Nosso revés contra a Espanha se deu em um minuto. A medalha de ouro foi decidida um minuto. Há coisas que não se escrevem, não serve para nada buscar explicações. O esporte é assim, às vezes é cruel”, disse o camisa 9, confiante em uma vitória francesa sobre os lituânicos em uma eventual decisão.

Na última quinta-feira, diante da torcida no Stade Pierre-Mauroysua, em Lille, a França enfrentou a Espanha em duelo que valia não apenas a classificação para a final da Eurobasket, como também o carimbo no passaporte para as Olimpíadas do Rio de Janeiro. Os anfitriões chegaram a abrir 11 pontos de vantagem, mas a atuação excepcional de Pau Gasol deu a vitória aos visitantes na prorrogação, por 80 a 75.

A França não deixou o campeonato de mãos abanando. No domingo, os comandados de Vincent Collet bateram a Sérvia por 81 a 68 na disputa do bronze, e ainda têm a chance de ir ao Rio através do Pré-Olímpico Mundial, a ser disputado às vésperas dos Jogos. Parker se mostrou satisfeito com a medalha em casa, e assegurou que vai lutar com os companheiros para levar a França à Cidade Maravilhosa.

“Há dez anos, o bronze era um ouro para nós. Minha história, nossa história, ainda não acabou”, prometeu.

Parker lamentou ter perdido o ouro para a Espanha em apenas "um minuto" (foto: Philippe Huguen/AFP)
Parker lamentou ter perdido o ouro para a Espanha em apenas “um minuto” (foto: Philippe Huguen/AFP)