Com show de LeBron, Cavs atropelam Warriors e seguem vivos na final

São Paulo, SP

09-06-2016 00:47:40

O Cleveland Cavaliers segue vivo nas Finais da NBA. Nesta quarta-feira, a franquia finalmente conseguiu uma boa atuação na série contra o Golden State Warriors, foi amplamente superior e venceu por 120 a 90 na Quicken Loans Arena, em Cleveland, diminuindo a vantagem dos Warriors para 2 a 1.

Com uma atuação apagada dos Splash Brothers (Stephen Curry e Klay Thompson), que tiveram um baixo aproveitamento nas bolas de três, os atuais campeões sofreram com a forte marcação e a pressão imposta pelos mandantes. Inspirado, o astro LeBron James foi o cestinha do jogo, com 32 pontos e 11 rebotes.

O jogo 4 da final da NBA acontece nesta sexta-feira, às 22h (de Brasília), novamente em Cleveland. Se voltar a vencer em casa, o Cleveland Cavaliers empata a série final.

Sem Kevin Love, que sofreu uma concussão cerebral no jogo 2, os Cavs apostaram em Richard Jefferson titular como ala, com LeBron um pouco mais adiantado, atuando como ala-pivô. Com a presença do astro mais próximo ao garrafão e a torcida inflamada nas arquibancadas, o Cleveland começou avassalador, abrindo 9 a 0.

Apagados, Stephen Curry e Klay Thompson sequer pontuaram no primeiro quarto. A má atuação dos Splash Brothers foi fatal para o Golden State, que foi totalmente dominado e viu os Cavs vencerem o primeiro quarto por 33 a 16.

Os Warriors melhoraram no início da segunda parcial, baixando a desvantagem para sete pontos ao contar com os primeiros sinais de Thompson, que anotou pontos em quatro jogadas consecutivas. No entanto, os Cavs continuavam mais precisos no ataque, fazendo um jogo seguro, e foram para o intervalo com 51 a 43.

O massacre dos Cavaliers se intensificou no segundo tempo, com os arremessos certeiros do cestinha Kyrie Irving e o comando de LeBron. De oito, a vantagem do time mandante cresceu para 20 no terceiro quarto, praticamente liquidando as chances dos Warriors.

O quarto período mostrou duas equipes cautelosas, sem grandes movimentações para evitar desgaste. Especialmente o Golden State, que se contentou com a derrota, colocou os reservas em quadra e viu o rival terminar a partida com 30 pontos de vantagem.

Deixe seu comentário