Carille lamenta eliminação, mas mira amadurecimento em 2020

São Paulo, SP

26-09-2019 16:00:39

Após empatar em 2 a 2 com o Independiente del Valle e selar a eliminação na Copa Sul-Americana, O técnico do Corinthians concedeu uma entrevista coletiva para os jornalistas. Fábio Carille, primeiro, comentou a escolha de apostar em veterano na escalação, ao colocar Vágner Love e Mauro Boselli para começarem juntos no ataque: "Essa era a intenção: de ser uma equipe mais cascuda. Uma equipe mais experiente para esse tipo de competição". A declaração segue no pensamento dele após a derrota no primeiro jogo em que disse que havia muitos garotos no time em, por isso, faltava a maturidade que, segundo ele, a competição exigiria.

Assimilada a decepção de perder a chance de um título inédito, Carille fez um balanço de que ainda precisa aprender como técnico, a diretoria conseguiu montar um time competitivo mesmo com dificuldades e que ano que vem o time vai estar mais maduro. "Um grupo feito com muita dificuldade, entendendo o que a diretoria passou para trazer esses jogadores. Com muita dificuldade, formou um grupo forte, um grupo com cara de 'Corinthians' e, com certeza, para 2020, independente do que acontecer, vai ser uma equipe muito mais madura", declarou.

Deixe seu comentário