Vitória promete não “criar embaraço” em ida de Rogério ao São Paulo

Arthur Sandes de Carvalho - São Paulo,SP

21-08-2015 15:03:46

Em situação delicada na temporada, o São Paulo depende de uma negociação entre terceiros para anunciar um reforço. Vinculado ao Náutico, o atacante Rogério está emprestado ao Vitória e aguarda as conversas entre as diretorias dos clubes nordestinos para conhecer seu futuro. Se depender do Leão da Barra, porém, o jogador logo desembarcará no CT da Barra Funda.

“O Vitória não tem interesse nenhum em criar embaraço na carreira do jogador. Mas o contrato de empréstimo tem cláusula que nos garante uma compensação financeira”, pondera o presidente do clube, Raimundo Vianna, com exclusividade à Gazeta Esportiva.Net.

“O entendimento entre os clubes é saudável, é um passo aqui, outro acolá e alguns ajustes. As coisas estão no terreno da natureza financeira”, completa o dirigente, admitindo que o afastamento de Rogério do elenco “sinaliza para um acerto” com o Náutico em breve. Como o Timbu tem tudo acertado com o São Paulo, a tendência é que a transferência se concretize assim que os valores forem acertados com o Vitória. Os valores são mantidos sob sigilo.

O interesse são-paulino em Rogério nasceu do garimpo na Série B. Uma das opções ofensivas do atual líder da competição, o atacante chama atenção pela velocidade e a habilidade. Entretanto seus números não são dos melhores, visto que foram cinco gols em 14 partidas disputadas na Segunda Divisão. De qualquer forma, o desempenho é bom a ponto de ser conhecido como “Neymar do Nordeste” na região.

Concretizada a compra, Rogério seria mais uma opção para o técnico Juan Carlos Osorio usar pelas pontas. Ágil pelos lados, Rogério tem características parecidas com a de Wilder Guisao, colombiano recém-chegado ao São Paulo a pedido de Osorio.

O atacante pernambucano foi revelado pelo Porto de Caruaru e em 2011 foi contratado pelo Náutico antes de ser emprestado a uma trinca de clubes: Al Dhafra, dos Emirados Árabes, Botafogo e Vitória. Um dos destaques do Leão da Barra na atual edição da Série B do Campeonato Brasileiro, Rogério atuou por 884 minutos no primeiro turno – sua média é de um gol a cada 176 minutos em campo.

Deixe seu comentário