Seleção quer impor respeito ao Chile ainda que precise ‘dar trombada’

São Paulo, SP

05/10/15 | 12:09

A estreia brasileira nas Eliminatórias para a Copa de 2018 deve ser duríssima, mas o debute em visita ao Chile, campeão da Copa América, é visto mais como um desafio do que um infortúnio de calendário. A Seleção desembarca em território adversário tentando impor respeito.

Hulk espera confronto duro com o Chile e pede Seleção disposta a rebater jogo físico  (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)
Hulk espera confronto duro com o Chile e pede Seleção disposta a rebater jogo físico (Foto: Leo Correa/Mowa Press)

O sorteio não ajudou, e a estreia brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 é duríssima. Mas o debute em visita ao Chile, campeão da Copa América, é visto mais como um desafio do que um infortúnio de calendário. A Seleção desembarca em território adversário tentando impor respeito.

A grande maioria da comissão técnica chegou calada ao hotel que hospeda o time canarinho, em Santiago. Só quem falou foi o ex-lateral Cafu, que é auxiliar pontual de Dunga, e prometeu que a camisa amarelinha vai pesar no confronto do Estádio Nacional.
“O Chile fez uma Copa América fantástica, é um time que vem em ascensão muito grande, mas Brasil é Brasil. É pentacampeão do mundo, o Chile tem que nos respeitar”, discursa o ex-jogador.

Dentro de campo, porém, os convocados parecem perceber que a conversa não é exatamente essa. O atacante Hulk vislumbra muita catimba por parte dos chilenos e dá a receita para encarar a Roja fora de casa.

“Tem que entrar (na partida) com tudo”, adianta. “Estamos cientes de que não será fácil, que vai ter que tomar trombada e encarar. Vamos fazer nosso melhor para sair daqui com a vitória”, promete, admitindo ainda o favoritismo do Chile para o confronto desta quinta-feira.

“Digamos que sim. Se olharmos quem ganhou a Copa América, que foi a última competição oficial, foi o Chile”, raciocina. “Eles estão motivados e empolgados com o título, mas temos que fazer nosso trabalho”, pondera Hulk, que luta por vaga no concorrido setor ofensivo canarinho.

A estreia da Seleção nas Eliminatórias para a Copa está marcada para as 20h30 (de Brasília) desta quinta. Cinco dias depois o desafio é contra a Venezuela, desta vez em casa, em Fortaleza.

Deixe seu comentário