Futebol/São Paulo

São Paulo avançou em único mata-mata disputado contra o Bahia

São Paulo , SP
21/05/2019 10:00:50

Em: Bahia, Copa do Brasil, Futebol

Nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio do Morumbi, São Paulo e Bahia iniciam o confronto de oitavas de final da Copa do Brasil três dias depois de um empate sem gols no Campeonato Brasileiro e com uma classificação importante em jogo. No retrospecto, porém, o Tricolor comandado por Cuca leva a melhor, principalmente quando se trata de enfrentamentos em mata-mata.

Ao todo, Tricolores Paulistas e Baianos se enfrentaram apenas uma vez em torneios eliminatórios. E o time do Morumbi saiu de campo classificado. Aconteceu na edição de 2012 da Copa Sul-Americana. Pela segunda fase, que na época colocava frente a frente equipes do mesmo país, o São Paulo venceu o Bahia nos dois confrontos, ambos por 2 a 0, avançou e chegou até a conquista do título, o mais recente da história do clube.

No primeiro embate, realizado no Pituaçu, em Salvador, o Bahia tinha o favoritismo pelo fator casa, a atmosfera pelo retorno a uma competição continental após 23 anos e o bom momento vivido no Brasileiro de 2012, após vitórias sobre Palmeiras e Corinthians. Porém, durante os 90 minutos o time comandado por Caio Júnior foi dominado pelo de Ney Franco.

Em seu segundo jogo após voltar de lesão no ombro que o afastou dos gramados por cerca de seis meses, Rogério Ceni foi o grande protagonista. Logo aos seis minutos, o goleiro-artilheiro marcou seu gol de número 104 na carreira em linda cobrança de falta, no ângulo de Marcelo Lomba, e colocou o São Paulo na frente do placar. Na segunda etapa, aos 23, após grande jogada de Cortez que terminou com a bola na trave, Ademílson só empurrou e fez 2 a 0.

Com a vaga encaminhada após a vitória na capital baiana, o São Paulo recebeu o Bahia disposto a surpreender dentro do Morumbi. E apesar da pressão, o time de Neym Franco se manteve bem postado defensivamente e obrigou poucas intervenções de Rogério Ceni. A exceção foi o arremate de Zé Roberto, aos 13 minutos, que passou rente a trave.

No segundo tempo, Osvaldo e Willian José foram promovidos do banco de reservas e garantiram a classificação para o Tricolor Paulista. O centroavante foi o responsável pelo primeiro gol, aos 19, após linda arrancada e jogada individual. Depois, aos 23, Osvaldo encontrou Maicon livre dentro da área. E o volante chutou meio sem jeito, mas a bola desviou em Lulinha para enganar Marcelo Lomba e entrar no canto direito.

Desta vez, em 2019, a ordem dos mandos será diferente em relação ao primeiro e único confronto decisivo. Depois da partida desta quarta-feira, marcada para o Morumbi, os times decidem a vaga dia 29 de maio, às 21h30 (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com