Roma demite Rudi Garcia e acerta retorno de Luciano Spaletti

São Paulo, SP

13/01/16 | 10:10

Roma's coach from France Rudi Garcia looks on before the Italian Serie A football match between Chievo Verona and AS Roma at Bentegodi Stadium in Verona on January 6, 2016. AFP PHOTO / GIUSEPPE CACACE / AFP / GIUSEPPE CACACE
Técnico francês deixa Roma após campanha abaixo do esperado no Campeonato Italiano (Foto: Giuseppe Cacace/AFP)

Chegou ao fim a era de Rudi Garcia à frente da Roma. Nesta quarta-feira, o clube italiano confirmou a demissão do francês depois de uma campanha repleta de empates e abaixo do esperado no Campeonato Italiano.

Tida como uma das favoritas à conquista do Scudetto, a equipe da capital italiana não engrenou e, ao final do primeiro turno, ocupa apenas a quinta posição, com 34 pontos, sete a menos que o líder Napoli e cinco a menos que a Inter de Milão, que abre a zona de classificação para a Liga dos Campeões.

Campeão francês com o Lille em 2011, Garcia chegou à Roma em 2013. Logo no início do trabalho, comandou a equipe que chegou à marca de 10 vitórias consecutivas no início do Italiano de 2013/14. Três anos depois, o francês deixa o comando gialorrosso sem levantar nenhuma taça, mas com um retrospecto positivo: em 118 partidas no comando romanista, foram 61 vitórias, 35 empates e 22 derrotas.

FC Zenit St Petersburg's coach Luciano Spalletti reacts prior to the start of the UEFA Champions League Group G football match against FC Shakhtar in Donetsk on October 19, 2011.  AFP PHOTO/ SERGEI SUPINSKY (Photo credit should read SERGEI SUPINSKY/AFP/Getty Images)
Depois de sete anos no Zenit, Luciano Spaletti volta ao clube romanista (Foto: Sergei Supinsky/AFP)

Para substituir Garcia, a diretoria giallorossa foi rápida e fechou com um velho conhecido: o italiano Luciano Spaletti, que está no Zenit-RUS desde 2009, quando deixou a Roma depois de quatro anos à frente da equipe. Em sua primeira passagem, Spaletti teve como maior feito o bicampeonato da Copa da Itália, em 2007 e 2008.

No Zenit, o treinador italiano venceu duas vezes o Campeonato Russo, em 2010 e 2012. Com um elenco de qualidade impulsionado pelo dinheiro de uma gigante do gás natural, Spaletti levou o Zenit à sua primeira participação nas oitavas de final da Liga dos Campeões, em 2011/2012.

Nesta quarta-feira, o novo treinador viajou aos Estados Unidos para formalizar o acordo com o proprietário do clube romano, o empresário James Pallota.

Deixe seu comentário