Futebol/Campeonato Brasileiro

Presidente repudia hostilidades a Fred no desembarque do Flu

São Paulo , SP
15/09/2015 14:18:35

Em: Brasileiro Série A, Fluminense, Futebol
Peter Siemsen ressalta que o Fluminense não dá qualquer tipo de ajuda às organizadas (foto: Bruno Haddad/FFC)
Peter Siemsen ressalta que o Fluminense não dá qualquer tipo de ajuda às organizadas (foto: Bruno Haddad/FFC)

 

O presidente do Fluminense, Peter Siemsen, lamentou as hostilidades dirigidas aos jogadores tricolores no desembarque do clube no Rio de Janeiro, na noite da última segunda-feira, em especial a Fred, que foi alvo de uma lata de cerveja atirada por um torcedor. O dirigente repudiou as atitudes e reforçou o apoio incondicional dado ao atacante, a quem considera ídolo do time.

“Lamentamos muito isso que aconteceu. Sem dúvida nenhuma, o grupo está trabalhando duro para se recuperar disso tudo, teve um momento muito bom no campeonato, sabemos que tem capacidade de reverter essa situação. Atitudes como essa prejudicam”, afirmou.

“O Fred é o maior ídolo da história contemporânea do clube, já ajudou a conquistar grandes títulos. Fiquei muito feliz que a torcida que realmente tem paixão e ama o clube criou um movimento grande na internet em apoio ao Fred, e que nós já aderimos. Isso mostra que esses poucos na verdade estão interessados em tumultuar”, completou.

Peter Siemsen fez questão de comentar sobre a relação do Fluminense com as torcidas organizadas, garantindo que o clube não as financia, e ressaltou a confiança que tem no elenco tricolor para espantar a má fase. Nos últimos seis jogos, foram cinco derrotas e um empate. O time ainda não venceu no returno do Campeonato Brasileiro.

“O Fluminense não ajuda em nada torcidas organizadas, até por esse tipo de episódio é que o Fluminense se distanciou completamente disso. Sabemos que apesar de eles tentarem desestabilizar, isso não vai acontecer. Estaremos dedicados ao trabalho para virar esse nosso momento ruim”, finalizou.