México bate os Estados Unidos, mas Costa Rica é quem lidera a Concacaf

São Paulo, SP

12-11-2016 01:12:43

O Hexagonal final das Eliminatórias da Concacaf teve rodada cheia nesta sexta-feira e as três seleções que entraram em campo como visitantes se deram bem. No principal jogo da noite, os Estados Unidos receberam o México para um clássico do continente e não conseguiram aproveitar o fator casa. Com bom público no estádio Mapfre, em Columbus, Ohio, os norte-americanos acabaram derrotados em um confronto marcado por manifestações políticas nas arquibancadas.

Layún abriu o placar aos 20 minutos e fez a alegria da torcida mexicana, que como sempre, compareceu em bom número no país vizinho. Depois de tanto pressionar, os Estados Unidos arrancaram o empate com Wood, aos 4 minutos da etapa final. Mas, o veterano Rafa Márquez estufou as redes aos 44 da etapa final e garantiu a vitória dos visitantes.

Os três pontos nesta 1ª rodada do Hexagonal só não deram a liderança ao México porque os costa-riquenhos, sensações da Copa do Mundo no Brasil, em 2014, fizeram 2 a 0 em cima de Trinidad e Tobago, fora de casa, no estádio Hasely Crawford, em Port of Spain. Bolaños, aos 20, e Matarrita, aos 45 minutos do segundo tempo marcaram os gols decisivos.

O Panamá também conseguiu um excelente resultado, porque foi outra equipe a alcançar a vitória longe de seus domínios. O gol de Escolbar, aos 22 da etapa inicial, foi o suficiente no estadio Olímpico Metropolitano, em San Pedro Sula, na casa dos hondurenhos.

Com isso, Costa Rica, México e Panamá, nesta ordem, já lideram o Hexagonal Final, com vantagem para os costa-riquenhos por causa do saldo de gols. Zerados, Estados Unidos, Honduras e Trinidad e Tobago, também nesta ordem, fecham a classificação e já complicam o sonho de ir à Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Vale lembrar que as três primeiras seleções garantem vaga no Mundial, enquanto a quarta colocada vai para a repescagem. As seis equipes disputarão mais nove rodadas.

Deixe seu comentário