Linense empata, classifica São Bento e é eliminado; XV segue em jejum de vitórias

São Paulo, SP

03-04-2016 13:03:24

Neste domingo, o XV de Piracicaba recebeu o Linense no Barão de Serra Negra pela 14ª rodada do Campeonato Paulista e, precisando da vitória para fugir da zona de rebaixamento, o Nhô Quim conquistou um empate suado, nos acréscimos, por 1 a 1. Bruno Paiva abriu o placar com um golaço na metade do primeiro tempo e Rivaldinho, filho do craque, empatou aos 48 da segunda etapa.

Apesar do empate com gosto de vitória, a partida representou o sexto jogo seguido do XV sem um triunfo no Paulistão, sendo três derrotas e quatro empates. O Linense, por sua vez, chegou ao quarto jogo sem derrotas, porém, apesar da boa campanha, a equipe já está eliminada da competição.

Com o resultado, o XV permaneceu foi à 14 pontos, permanecendo na quarta colocação do Grupo C. Na classificação geral, o Nhô Quim é a primeira equipe dentro da zona dos seis rebaixados para a Série A2 do Paulistão de 2017. O time, no entanto, pode cair ainda mais na tabela dependendo dos jogos restantes neste domingo.

O Linense, por sua vez, chegou aos 19 pontos, se garantindo na elite do Paulistão no ano que vem. Entretanto, apesar da boa campanha, a equipe foi eliminada com o empate no barão de Serra Negra, já que o São Bento, segundo colocado no Grupo A com 24 pontos, soma cinco a mais que o Elefante, com apenas mais uma rodada restante no campeonato.

O JOGO
O XV começou assustando logo aos nove minutos. Em cobrança de falta pela esquerda, Carleto bateu cruzou e Oswaldo cabeceou bem, obrigando boa defesa de Oliveira.

Aos 27, logo em sua primeira chegada de perigo, o Linense abriu o marcador. Bruno paiva aproveitou sobra no meio de campo, dominou e avançou até chegar à entrada da área, de onde arriscou um chutaço de canhota. A bola foi no ângulo esquerdo do goleiro, que tentou alcançar, mas nada pôde fazer.

O XV respondeu somente na reta final do primeiro tempo. Aos 48, Daniel dominou pelo lado direito e fez o cruzamento para Fabinho, que deu um lindo mergulho para cabecear no canto de Oliveira. O goleiro teve muito reflexo e conseguiu fazer a defesa.

O próximo lance de perigo veio somente aos 47 minutos do segundo tempo, e foi a jogada que fez explodir o Barrão de Serra Negra. Após ataque em velocidade pela direita, Aloísio cruzou rasteiro na área e Rivaldinho, filho do craque, chegou mais rápido que o goleiro Oliveira para desviar para as redes.

Deixe seu comentário