Futebol/Liga dos Campeões

Istambul e Lisboa brigam para receber final da Champions em 2020

São Paulo , SP
03/11/2017 16:32:35

Em: Futebol, Futebol Internacional, Liga dos Campeões

A Liga dos Campeões da Europa é um dos torneios mais visados e prestigiados do mundo esportivo. Como já é de costume, a grande final da competição européia acontece em um estádio definido antes do início de sua edição. Nesta sexta-feira, a UEFA, responsável por organizar a Champions, divulgou que Istambul e Lisboa se candidataram para sediar a final da edição de 2020.

As associações interessadas em receber a final se candidataram em 22 de setembro deste ano, e a UEFA irá decidir pela escolha do estádio da Luz, que pertence ao Benfica, ou o Olímpico Ataturk, utilizado pela seleção da Turquia. O anúncio do vencedor será realizado em junho de 2018.

Lisboa e Istambul já receberam finais da Champions anteriormente (Foto: Divulgação/UEFA)

Istambul foi o palco da decisão histórica da Champions de 2004/05. O duelo entre Liverpool e Milan aconteceu no estádio Olímpico Ataturk. A partida foi vencida pelo Liverpool, que, comandado por Gerrard e Xabi Alonso, levou 3 a 0 no primeiro tempo, mas, no segundo, empatou e levou a decisão para as penalidades máximas. Nas cobranças, o Milan desperdiçou três chutes e viu os ingleses levantarem a tão sonhada taça.

Já Lisboa não fica muito atrás no quesito “emoção” em final de Liga dos Campeões. A cidade portuguesa recebeu duas finais, em 1966/67 e 2013/14. A última decisão, entre Real Madrid e Atlético de Madrid, foi marcada pela conquista da “La Décima” do clube merengue. Os galácticos empataram o jogo no último minuto, com Sergio Ramos de cabeça. Na prorrogação, Bale, Marcelo e Cristiano Ronaldo garantiram a grande vitória.

Além da final da Champions, a UEFA também divulgou os candidatos finalistas da Liga Europa e da Liga dos Campeões feminina. A Arena Gdanks, na Polônia, disputa com o Estádio do Dragão, em Portugal, para receber a Liga Europa. Enquanto a final da Champions feminina acontecerá em um dos três países: Rússia, Bélgica ou Áustria.