Inter lamenta falta de pontaria em derrota para o Santos

Do correspondente Vicente Fonseca - Porto Alegre,RS

27-09-2015 13:28:28

As oportunidades de gol desperdiçadas foram, na avaliação de alguns jogadores do Internacional, um dos principais motivos para a equipe ter sido derrotada pelo Santos, neste domingo, na Vila Belmiro. Os atletas colorados citaram também o calor de jogar no final da manhã e a qualidade da equipe do Peixe como fatores que colaboraram decisivamente para a derrota por 3 a 1, que deixa a equipe gaúcha mais longe da briga pelo G4.

“Temos que caprichar um pouquinho mais para fazer os gols. A bola tem que entrar. Os adversários estão fazendo isso com competência, e a gente não”, analisou o goleiro Alisson. “Hoje nosso time não jogou recuado. É complicado enfrentar o Santos fora de casa, com muitos jogadores de velocidade. Nós tivemos chances com o Vitinho e o Valdívia, mas os gols infelizmente não estão saindo”, concordou Paulão.

O zagueiro Ernando, além de criticar o horário das 11h da manhã, discordou da marcação do pênalti de Silva em Lucas Lima, que deu a virada à equipe santista aos 14 minutos do segundo tempo: “a nossa equipe estava bem, o primeiro tempo foi muito igual e até saímos na frente. No segundo, o pênalti foi meio duvidoso e acabou sendo o diferencial pro Santos conseguir a virada. Sei que estava calor pros dois lados, mas tem que rever esse horário. Na parte física, fica lamentável pros jogadores”, afirmou o beque.

Com a derrota, o Inter cai para o 8º lugar, com 41 pontos, e pode ficar a seis do G4 se o Palmeiras vencer o São Paulo neste domingo. Apesar disso, Paulão ainda vê a equipe na briga, há dez rodadas para o fim: “temos continuar brigando, trabalhando. Continua aberto, depende da gente”, disse o zagueiro. No próximo fim de semana, o compromisso do Inter é com o Sport, no Beira-Rio. Quarta, o desafio é o Palmeiras, em São Paulo, pela Copa do Brasil.

Deixe seu comentário