Lenda mexicana chama Van Gaal de canalha após saída de Chicharito

São Paulo, SP

02-09-2015 11:13:19

Chicharito foi descartado por Van Gaal após péssima atuação contra o Club Brugge (Foto: Emmanuel Dunand/AFP)
Chicharito foi descartado por Van Gaal após péssima atuação contra o Club Brugge (Foto: Emmanuel Dunand/AFP)

O atacante mexicano Chicharito Hernández acertou sua transferência para o Bayer Leverkusen nesta semana. Após cinco temporadas atuando pelo Manchester United, o jogador sacramentou sua saída do clube na vitória dos ingleses sobre o Club Brugge pelos play-offs da Liga dos Campeões, quando desperdiçou uma cobrança de pênalti e perdeu um gol feito. Entretanto, o descaso do técnico Louis Van Gaal com sua transferência não agradou Hugo Sánchez, ex-jogador da seleção mexicana e do Real Madrid.

Com a ruim atuação do atacante, Louis Van Gaal resolveu liberá-lo para negociar com os alemães, que não titubearam e acertaram a transferência. Porém, o descaso do chefe da equipe com Chicharito desagradou o compatriota do atacante, Hugo Sánchez. A lenda do futebol mexicano declarou que Van Gaal não pode fazer o que faz com seus jogadores e que espera que a Inglaterra reconheça que ele é uma má pessoa.

“Eu fui treinador e um treinador não pode fazer o que ele (Louis Van Gaal) faz com seus próprios jogadores. Eu sairia e aplaudiria meu jogador, dizendo para ele acreditar em si mesmo. Mas a olhada que Van Gaal dá para o Giggs... Que canalha!”, comentou Hugo Sánchez, se referindo à expressão que o chefe dos Red Devils fez após Chicharito perder o pênalti. Ele ainda completou: “Foi um péssimo jogo para o Chicharito, mas qualquer jogador no mundo poderia passar por isso. Van Gaal é um canalha. Tenho esperanças de que as pessoas na Inglaterra percebam que ele é uma má pessoa e trata seus jogadores pobremente”.

Essa não é a primeira vez que pessoas do mundo do futebol falam mal de Louis Van Gaal. O treinador do Manchester United também foi alvo de críticas de Van Persie, seu comandado na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, e no United também. O lateral-direito Rafael, querido por Alex Ferguson, também foi outra peça que perdeu muito espaço no time após a chegada do novo treinador e foi avisado por ele próprio ao fim da última temporada para procurar outro clube para jogar, porque não teria espaço com o holandês.

Agora, jogando na Alemanha, Chicharito Hernández espera recomeçar sua carreira, voltando aos tempos de glória que o levaram ao Manchester United e marcando gols importantes pelo Bayer Leverkusen. Perguntado sobre o motivo de sua saída, o mexicano respondeu: “Bayer me fez sentir importante e amado. Vir para cá não foi uma decisão difícil de ser tomada. Eles fazem me sentir querido”, disse.

Deixe seu comentário