Em despedida, Podolski brilha e garante vitória alemã contra Inglaterra

São Paulo, SP

22-03-2017 18:42:40

A Alemanha sofreu, mas conseguiu a vitória por 1 a 0 no amistoso contra a Inglaterra, nesta quarta-feira, em Dortmund. Jogando em casa, os tetracampeões mundiais se despediram de Lukas Podolski, justamente o autor do gol. Em seu 130º jogo vestindo a camisa da seleção alemã, o atacante aproveitou para encerrar sua história representando o país em grande estilo e levantando a torcida que compareceu na casa do Borussia Dortmund com um chutaço no ângulo.

Com direito a mosaico e o estádio lotado, Lukas Podolski fez seu último jogo com a seleção alemã. Em confronto que já decidiu uma Copa do Mundo, a Alemanha sofreu contra a Inglaterra, que se impôs mesmo fora de casa e desperdiçou muitas chances no primeiro tempo. Mesmo assim, os tetracampeões mundiais aproveitaram os vacilos dos adversários e foram mais eficientes para vencer o amistoso.


O primeiro tempo foi marcado por uma postura mais agressiva da Inglaterra. Tentando propor o jogo a todo o momento e trabalhando bem a bola, o time do técnico Gareth Southgate tinha Dele Alli e Adam Lallana como peças para desafogar o jogo e encontrar Jamie Vardy na área. Neutralizando bem o ataque dos tetracampeões mundiais, a seleção inglesa teve as melhores chances da etapa inicial, mas não conseguiu aproveitá-las.

Apesar do domínio inglês, o time visitante só conseguiu chegar ao gol com perigo aos 30 minutos. Aproveitando o erro de Kimmich, Lallana arrancou do meio de campo, invadiu a área e bateu cruzado na saída de Ter Stegen carimbando a trave. Dez minutos depois foi a vez de Dele Alli desperdiçar mais uma chance. Novamente Kimmich errou, a bola sobrou para Vardy, que deixou o atacante do Tottenham na cara do gol. Frente a frente com Ter Stegen, Alli acabou sendo bloqueado.

Sem conseguir infiltrar na defesa inglesa, a Alemanha passou a arriscar de fora da área. Apagado, Toni Kroos não encontrava espaços para acionar os atacantes e foi discreto nos primeiros 45 minutos. Weigl e Podolski tentaram exigir boas defesas de Joe Hart, mas a pontaria mal calibrada acabou deixando o placar inalterado.

Na volta do intervalo a Alemanha mudou sua postura e passou a estar mais presente no campo de ataque. Após os primeiros minutos de pressão, a Inglaterra voltou a equilibrar o jogo e também atacou os donos da casa. Ainda assim, nenhuma das duas equipes conseguia furar o bloqueio e balançar as redes.

Mesmo pior na partida, a Alemanha aproveitou os erros da Inglaterra para fazer jus ao ditado “Quem não faz, leva”. Aos 23 minutos o personagem da noite, Lukas Podolski, recebeu na entrada da área e soltou uma bomba no ângulo de Joe Hart, que não teve nenhuma chance de defender o lindo arremate.

A seleção inglesa sentiu o gol e não conseguiu retomar o ritmo intenso mostrado antes de Podolski abrir o placar. Desta forma, a Alemanha se fez mais presente no ataque e ainda tentou ampliar o placar já que contava com Schurrle e Muller, ambos entrando no segundo tempo. Mais soltos em campo, bastou aos tetracampeões mundiais administrar a vantagem e assegurar a vitória na despedida de um dos grandes jogadores do país.

 

Deixe seu comentário