Cristiano Ronaldo sobre a má fase: "Não sou um extraterrestre"

São Paulo, SP

11-12-2015 09:03:20

Cristiano Ronaldo estará na disputa pelo prêmio de melhor jogador do mundo mais uma vez no próximo mês de janeiro. No entanto, as chances do português faturar mais uma Bola de Ouro é remota, haja visto a excepcional temporada que seu maior rival, Lionel Messi, desempenhou com a camisa do Barcelona, conquistando o famoso triplete.

O craque do Real Madrid sabe da dificuldade que será ganhar o prêmio e admitiu que não teve uma ótima temporada comparada as outras, quando foi protagonista e garantiu a tão sonhada décima taça da Liga dos Campeões para os merengues.

“Não é só uma questão pessoal, mas também uma questão física. Não uso isso como desculpa. Não somos extraterrestres, eu não sou, e também passo por momentos complicados. Isso já é passado e agora me sinto cada vez melhor”, comentou Cristiano à ESPN, afastando a má fase que o rodeou no início de temporada.

“Não vou dizer nunca, nem a ti, nem a ninguém o que aconteceu, porque isso é uma coisa minha, mas o que posso dizer é que tenho tido alguns problemas no início. Agora estou muito melhor, me sinto melhor e isso se nota dentro de campo”, completou o gajo.

Desde 2008 ele e Messi polarizam a disputa pelo posto de melhor jogador do planeta. Agora, em 2016, os dois craques terão a companhia de um brasileiro: Neymar. O último jogador da Seleção Brasileira a participar da premiação foi Kaká, em 2007, quando acabou conquistando a Bola de Ouro.

“A nível pessoal acho que fiz uma temporada muito boa. Estou bem, estou em uma posição boa, mas também estão Neymar e Messi, porque ganharam a Liga dos Campeões e por isso penso que este ano vai ser um pouco mais complicado, mas não é impossível. Estou contente e feliz de ser nomeado e que ganhe o melhor”, finalizou Cristiano Ronaldo valorizando os títulos coletivos conquistados pelos rivais do Barcelona.

Deixe seu comentário