Flamengo encara o Fortaleza para fugir da crise

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

04-05-2016 08:16:47

Vivendo um conturbado momento desde que foi eliminado pelo Vasco no Campeonato Carioca, o Flamengo tem a oportunidade de começar a mudar a sua história na temporada nesta quarta-feira, às 21h45(de Brasília), enfrentando o Fortaleza na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), pelo jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil. O Rubro-Negro eliminou o Confiança-SE na etapa anterior com um triunfo por 3 a 0 no Rio de Janeiro após perder por 1 a 0 em Sergipe.

O Fortaleza é motivo de preocupação no Flamengo, pois o time atravessa um bom momento. No último fim de semana, o Tricolor goleou o Uniclinic por 4 a 1 e praticamente definiu a conquista do título do Campeonato Cearense. Na primeira fase da Copa do Brasil, o Leão do Pici bateu o Imperatriz-MA por 2 a 1 em casa e garantiu vaga para o duelo contra Rubro-Negro, uma vez que na partida de ida, no Maranhão, as duas equipes haviam empatado por 1 a 1.

"Vamos enfrentar um adversário que atravessa um bom momento no ano, que tem tudo para conquistar um título importante e que está bem também na Copa do Brasil. Trata-se de um time com alguns jogadores experientes e que vai fazer de tudo para se impor dentro de casa. Portanto, vamos precisar de muito cuidado e de um futebol bem eficiente se quisermos garantir um bom resultado", afirmou o goleiro Paulo Victor, que prefere não pensar ainda na possibilidade de conquistar a classificação sem a necessidade de realização do jogo da volta, o que aconteceria caso os flamenguistas ganhassem por dois ou mais gols de vantagem.

O técnico Muricy Ramalho tem procurado trabalhar muito o aspecto psicológico dos jogadores, que foram muito criticados após a eliminação no Campeonato Carioca. O treinador considera importante um bom resultado contra o Fortaleza para poder começar a modificar a maneira como o time vem sendo visto.

"Sabemos que futebol é resultado e que estamos sempre buscando uma evolução. Conseguimos fazer bons jogos, mas isso se apagou com a eliminação diante do Vasco. Portanto, vamos começar mais uma vez a tentar resgatar a confiança do torcedor, que ainda pode ter muitas alegrias com esse comprometido grupo de jogadores. Uma vitória contra o Fortaleza será importante porque o adversário joga em casa e tem qualidade", disse Muricy.

O treinador do Flamengo vai promover o retorno do zagueiro Juan, que cumpriu suspensão contra o Vasco e reaparece na vaga do contestado Cesar Martins. A principal novidade, porém, está no meio-de-campo. Fernandinho, contratado junto ao Grêmio, parece estar ganhando a disputa com Ederson e Gabriel e terá uma oportunidade de mostrar serviço contra os cearenses. O restante da equipe preservará a base do Estadual.

Pelo lado do Fortaleza, o técnico Marquinhos Santos acredita que sua equipe pode surpreender. "Sabemos que o Flamengo tem um time experiente e acostumado a decisões. Por isso temos consciência da dificuldade deste confronto. Mas podemos conquistar um bom resultado se formos eficientes nas finalizações e soubermos neutralizar os pontos fortes do nosso oponente. Vamos precisar estar em uma grande noite para que a gente consiga impor o nosso estilo de atuar", disse o comandante.

Em termos de escalação, o Fortaleza terá o retorno do goleiro Ricardo Berna, que cumpriu suspensão diante do Uniclinic no fim de semana e que reaparece na vaga de Erivelton. Caso as duas equipes façam o jogo da volta, ele será realizado no dia 18 de maio, em estádio a ser definido pelo Flamengo.

FICHA TÉCNICA
FORTALEZA-CE X FLAMENGO-RJ

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 4 de maio de 2016 (Quarta-feira)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Dijalma Silva Ferreira (BA)

FORTALEZA:
Ricardo Berna, Pio, Lima, Edimar e Wilian Simões; Dudu Cearense, Juliano, Jean Mota e Everton; Juninho e Anselmo
Técnico: Marquinhos Santos

FLAMENGO: Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Gustavo Cuellar, Willian Arão, Federico Mancuello e Fernandinho; Marcelo Cirino e Paolo Guerrero
Técnico: Muricy Ramalho

Deixe seu comentário