Derrota para o Palmeiras pode sacramentar demissão de Enderson Moreira

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

14-09-2015 13:33:56

O Fluminense é dono da pior campanha do segundo turno do Campeonato Brasileiro. Com cinco derrotas e apenas um empate, o time somou apenas um ponto no returno e já está longe do G4, zona de classificação para a Copa Libertadores. O otimista pode falar que falta sete pontos para alcançar o Flamengo, que fecha o grupo. Já os pessimistas lembrariam que essa é a mesma distância para a zona de rebaixamento. Realidade que deixa o técnico Enderson Moreira em situação muito delicada.

Nos corredores do clube a demissão do treinador é dada como certa em caso de derrota para o Palmeiras em duelo programado para esta quarta-feira, às 19h30, no Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 26ª rodada.

Enderson não conta mais com a simpatia do presidente Peter Siemsen, que bancou a sua contratação mas não tem gostado da maneira como ele vem conduzindo algumas situações, como barrar Ronaldinho Gaúcho, uma aposta pessoal do dirigente, que vem sendo questionado pelo alto investimento no atleta. O treinador conta com o apoio de Fred, mas já enfrenta outras resistências no plantel de atletas que perderam espaço e não gostaram, como o meia Cícero e o volante Edson, barrado duas vezes e que voltou ao time na derrota de 1 a 0 para o Sport no domingo passado.

O rendimento contra o Sport, inclusive, foi merecedor de críticas pela cúpula do futebol, uma vez que até mesmo os atletas revelados nas categorias de base mostraram uma falta de empolgação e vontade. Para a cúpula o treinador já não consegue mais motivar os atletas.

Oficialmente a diretoria garante apoio ao treinador, restando saber por quanto tempo ou por quantos tropeços que esse respaldo será mantido. O duelo contra o Palmeiras realmente será decisivo para a comissão técnica.

DESFALQUES E RONALDINHO: Além da derrota por 1 a 0 e da sequência negativa ampliada para seis jogos de jejum, o Fluminense ainda saiu da Arena Pernambuco neste domingo desfalcado para seu próximo compromisso. O Tricolor das Laranjeiras não terá o zagueiro Gum contra o Palmeiras. Ele recebeu cartão amarelo contra o Sport, seu terceiro no Campeonato Brasileiro, por isso não estará em campo. Marlon será mantido entre titulares, e Antonio Carlos, Victor Oliveira e Henrique concorrem para jogar ao seu lado. A tendência é que o técnico Enderson Moreira opte pelo primeiro, que inclusive disputou vaga entre os titulares com o próprio Gum neste domingo.

Se a defesa estará desfalcada, ao menos o Fluminense pode ter seu principal armador neste meio de semana. Ronaldinho Gaúcho tem ficado ausente por motivos obscuros desde que foi vaiado contra o Atlético-MG, no último dia 30. Antes poupado para aprimorar forma física, o craque contraiu virose e continuou sendo desfalque. O jogador treinou normalmente nesta segunda-feira pela manhã, ao lado de Henrique e do meia Cícero, este afastado por desgaste físico, embora há quem fale em mau relacionamento com o elenco. Enderson define nesta terça-feira o time que vai enfrentar o Palmeiras.

Deixe seu comentário