Gazeta Esportiva

Com golaços e primeiro tempo arrasador, PSG atropela Bordeaux e abre vantagem na ponta

São Paulo, SP

30/09/17 | 13:55 - 30/09/17 | 16:56

Neste sábado, o Paris Saint-Germain não tomou conhecimento do Bordeaux no Parque dos Príncipes e, com o tropeço do Monaco diante do Montpellier, abriu vantagem de três pontos na liderança do Campeonato Francês. Após início avassalador e cinco gols no primeiro tempo, os parisienses fecharam o placar em 6 a 2. Neymar foi responsável por dois dos gols. Cavani, Meunier, Draxler e Mbappé completaram o massacre. Sankhare e Malcom diminuíram.

Com o resultado, o time da capital mantém a invencibilidade no Campeonato Francês, chegando a 22 pontos, abrindo três de vantagem sobre o vice-líder Monaco. O Bordeaux é o terceiro colocado, com 15 pontos ganhos. Na rodada do próximo final de semana, a nona da competição, Neymar e companhia vão encarar o Dijon, fora de casa, enquanto o time do brasileiro Malcom recebe o Nantes.

Neymar e Mbappé comemorando um dos seis gols do PSG neste sábado (Foto: Frack Fife/AFP)

O Jogo - Os visitantes não tiveram nem tempo para respirar. Logo aos cinco minutos de jogo, Neymar deu as boas vindas com uma pintura de falta. Batendo no contra-pé de Costil, colocou a bola no ângulo do goleiro francês. Aos 12, o brasileiro serviu Cavani que, na cara do gol, não desperdiçou. A vantagem aumentou aos 21. Em cruzamento rasteiro, a bola passou por Mbappé e Thomas Meunier chegou batendo da entrada da área. Três a zero e controle absoluto da partida.


O Bordeaux esboçou uma reação, aos 31 minutos. Em jogada bem trabalhada, Nicolas de Preville e Younousse Sankhare acabaram frente a frente com Areola. O senegalês só teve o trabalho de empurrar para diminuir o placar.

Aos 39, no entanto, Otávio colocou a mão na bola dentro da área, e o juiz assinalou o primeiro pênalti a favor do PSG após a polêmica entre Cavani e Neymar, no duelo contra o Lyon. O brasileiro bateu, deslocando Costil e anotando seu segundo tento na partida, o quarto dos mandantes. E ainda teve tempo para mais um antes do intervalo. Em contra-ataque rápido, Mbappé achou bom lançamento para Julian Draxler, que pegou de primeira e fechou a contagem do primeiro tempo em 5 a 1.

Já na etapa final, o sofrimento dos visitantes continuou mesmo após equilibrarem as ações. Retribuindo a assistência de Mbappé no quinto gol parisiense, em passe de profundidade, Draxler deixou o francês em plenas condições de deixar o dele, com chute cruzado, beijando a trave.

Um dos destaques girondinos na temporada, o ex-Corinthians Malcom, já nos acréscimos, fez o segundo de sua equipe. Após falta cometida por Meunier dentro da área, o brasileiro bateu a penalidade com perfeição, no alto, sem chances para Areola.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

 

Deixe seu comentário